serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

A11 Células .
A11.066 Células Apresentadoras de Antígenos .
A15 Sistemas Sanguíneo e Imunológico .
A15.382 Sistema Imunitário .
A15.382.066 Células Apresentadoras de Antígenos .
D08 Enzimas e Coenzimas .
D08.811 Enzimas .
D08.811.277 Hidrolases .
D08.811.277.352 Esterases .
D08.811.277.352.650 Monoéster Fosfórico Hidrolases .
D08.811.277.352.650.775 Proteínas Tirosina Fosfatases .
D08.811.277.352.650.775.400 Proteínas Tirosina Fosfatases Semelhantes a Receptores .
D08.811.277.352.650.775.400.100 Proteínas Tirosina Fosfatases Classe 1 Semelhantes a Receptores .
D08.811.277.352.650.775.400.100.500 Antígenos Comuns de Leucócito .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.360 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular .
D12.644.360.587 Proteínas Tirosina Fosfatases Semelhantes a Receptores .
D12.644.360.587.100 Proteínas Tirosina Fosfatases Classe 1 Semelhantes a Receptores .
D12.644.360.587.100.500 Antígenos Comuns de Leucócito .
D12.776 Proteínas .
D12.776.395 Glicoproteínas .
D12.776.395.560 Mucoproteínas .
D12.776.395.560.631 Mucinas .
D12.776.395.560.631.050 Antígeno Ca-125 .
D12.776.476 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular .
D12.776.476.592 Proteínas Tirosina Fosfatases Semelhantes a Receptores .
D12.776.476.592.100 Proteínas Tirosina Fosfatases Classe 1 Semelhantes a Receptores .
D12.776.476.592.100.500 Antígenos Comuns de Leucócito .
D12.776.543 Proteínas de Membrana .
D12.776.543.733 Proteínas Tirosina Fosfatases Semelhantes a Receptores .
D12.776.543.733.937 Proteínas Tirosina Fosfatases Classe 1 Semelhantes a Receptores .
D12.776.543.733.937.500 Antígenos Comuns de Leucócito .
D23 Fatores Biológicos .
D23.050 Antígenos .
D23.050.285 Antígenos de Neoplasias .
D23.050.285.050 Antígenos Glicosídicos Associados a Tumores .
D23.050.285.050.225 Antígeno Ca-125 .
D23.050.550 Epitopos .
D23.050.550.325 Antígenos Glicosídicos Associados a Tumores .
D23.050.550.325.225 Antígeno Ca-125 .
D23.101 Biomarcadores .
D23.101.140 Biomarcadores Tumorais .
D23.101.140.075 Antígenos Glicosídicos Associados a Tumores .
D23.101.140.075.225 Antígeno Ca-125 .
F02 Fenômenos Psicológicos .
F02.784 Psicologia Aplicada .
F02.784.412 Ergonomia .
F02.784.412.221 Apresentação de Dados .
G12 Fenômenos do Sistema Imunológico .
G12.119 Apresentação do Antígeno .
G12.450 Imunidade .
G12.450.050 Imunidade Adaptativa .
G12.450.050.400 Imunidade Celular .
G12.450.050.400.070 Apresentação do Antígeno .
L01 Ciência da Informação .
L01.296 Apresentação de Dados .
V03 Características dos Estudos .
V03.100 Relatos de Casos .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Células Apresentadoras de Antígenos .
Células Imunológicas Acessórias .
CÉLULAS QUE APRESENTAM ANTÍGENOS .
Grupo heterogêneo de células imunocompetentes que medeiam a resposta imune celular por processamento e apresentação de antígenos para as células T. Entre as células tradicionais que apresentam antígenos estão os MACRÓFAGOS, CÉLULAS DENDRÍTICAS, CÉLULAS DE LANGERHANS e LINFÓCITOS B. As CÉLULAS DENDRÍTICAS FOLICULARES não são células apresentadoras de antígeno tradicionais, mas são consideradas [como tal] por alguns autores por manterem antígenos na superfície celular em forma de COMPLEXO ANTÍGENO-ANTICORPO para reconhecimento por células B. .
0.62
2811845
 
Antígenos Glicosídicos Associados a Tumores .
Antígenos Glicosídicos Associados ao Câncer .
Antígenos Carboidratos Associados a Tumores .
Antígenos CA .
ANTÍGENOS CARBOIDRATOS ASSOCIADOS AO CÂNCER .
Antígenos glicosídicos expressos por tecidos malignos. Estes antígenos são úteis como marcadores tumorais e podem ser quantificados no soro com anticorpos monoclonais por meio da técnica de radioimunoensaio. .
0.49
275102
 
Apresentação do Antígeno .
Antígeno Processado .
Processo pelo qual o antígeno é apresentado aos linfócitos de forma que eles o possam reconhecer. Isso é realizado por células apresentadoras de antígeno (APCs: antigen presenting cells). Alguns antígenos exigem processamento prévio para serem reconhecidos. O processamento de antígenos consiste na ingestão e digestão parcial do antígeno pela APC, seguida pela apresentação dos fragmentos na superfície celular. .
0.48
2313126
 
Antígenos Comuns de Leucócito .
Antígeno Comum de Leucócito .
Antígenos 2H4 .
Antígenos CD45 .
Antígenos CD45R .
Antígenos CD45RA .
Antígenos CD45RO .
Antígeno B220 .
Antigenos B220 .
Antígenos CD45RB .
Antígenos CD45RC .
Antígenos L-CA .
Receptores Proteína Tirosina Fosfatase Tipo C .
Antígenos T200 .
Proteína Tirosina Fosfatase C Tipo Receptor .
Antígenos RT7 .
Glicoproteínas de alto peso molecular expressas exclusivamente na superfície de LEUCÓCITOS e seus progenitores hematopoiéticos. Contêm dois DOMÍNIOS DE FIBRONECTINA TIPO III e atividade de proteína tirosina fosfatase citoplasmática, a qual desempenha papel na sinalização intracelular dos RECEPTORES DA SUPERFÍCIE CELULAR. Os antígenos comuns ocorrem como isoformas múltiplas que resultam do processamento alternativo de mRNA e do uso diferencial de três éxons. .
0.42
57722
 
Apresentação de Dados .
Vdt 12424 .
Terminal de Exposição de Vídeo .
Apresentação da Informação .
Apresentação visual de dados em um sistema homem-máquina. Um exemplo é quando dados são recuperados de um computador e transmitidos para um MONITOR DE TUBO DE RAIOS CATÓDICOS ou apresentação em tela de CRISTAL LÍQUIDO. .
0.39
586593
 
Relatos de Casos .
Informes de Casos .
Relato de Caso .
Caso 12063 .
Casos .
Estudo de Casos .
Estudo de Caso .
Estudos de Casos .
Histórico de Casos .
Histórico de Caso .
Histórico do Caso .
Apresentação de Caso .
Apresentação de Casos .
Relatos de Casos [Tipo de Publicação] .
1. Apresentações clínicas que podem ser seguidas pelos estudos avaliativos que conduzem eventualmente a um diagnóstico. 2. Estudo de caso: O estudo de caso é definido como a investigação empírica de um fenômeno que dificilmente pode ser isolado ou dissociado do seu contexto. Ela procura estudar o conjunto das variações intra-sistema, que são as variações produzidas de modo natural em um determinado meio. (Yin, 1993; Hartz, 1997) .
0.39
00
 
Antígeno Ca-125 .
Mucina-16 .
Antígeno glicosídico que ocorre em tumores de ovário, bem como no de mamas, rim e trato gastrointestinal, e também no tecido normal. Uma vez que está associado a tumores, não é específico de tumores, podendo exercer uma função protetora contra partículas e agentes infecciosos presentes na superfície de mucosas. .
0.37
74207