serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.138 Desintegrinas .
D12.776 Proteínas .
D12.776.395 Glicoproteínas .
D12.776.395.550 Glicoproteínas de Membrana .
D12.776.395.550.625 Glicoproteínas da Membrana de Plaquetas .
D12.776.395.550.625.379 Integrina alfa5beta1 .
D12.776.395.550.625.785 Complexo Glicoproteico GPIIb-IIIa de Plaquetas .
D12.776.543 Proteínas de Membrana .
D12.776.543.550 Glicoproteínas de Membrana .
D12.776.543.550.625 Glicoproteínas da Membrana de Plaquetas .
D12.776.543.550.625.379 Integrina alfa5beta1 .
D12.776.543.550.625.785 Complexo Glicoproteico GPIIb-IIIa de Plaquetas .
D12.776.543.750 Receptores de Superfície Celular .
D12.776.543.750.705 Receptores Imunológicos .
D12.776.543.750.705.408 Integrinas .
D12.776.543.750.705.408.100 Cadeias alfa de Integrinas .
D12.776.543.750.705.408.100.950 Glicoproteína IIb da Membrana de Plaquetas .
D12.776.543.750.705.408.460 Receptores de Citoadesina .
D12.776.543.750.705.408.460.700 Complexo Glicoproteico GPIIb-IIIa de Plaquetas .
D12.776.543.750.705.408.530 Receptores de Fibronectina .
D12.776.543.750.705.408.530.750 Integrina alfa5beta1 .
D12.776.543.750.705.408.850 Receptores de Antígeno muito Tardio .
D12.776.543.750.705.408.850.349 Integrina alfa5beta1 .
D12.776.543.750.705.675 Glicoproteínas da Membrana de Plaquetas .
D12.776.543.750.705.675.460 Integrina alfa5beta1 .
D12.776.543.750.705.675.784 Complexo Glicoproteico GPIIb-IIIa de Plaquetas .
D12.776.543.750.705.876 Receptores de Laminina .
D12.776.543.750.705.876.374 Integrina alfa5beta1 .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Complexo Glicoproteico GPIIb-IIIa de Plaquetas .
Receptores GPIIb-IIIa .
Integrina alfaIIbbeta3 .
INTEGRINA ALFA-IIB BETA-3 .
Complexo glicoproteico da membrana das plaquetas importante para a adesão e agregação plaquetária. O complexo é uma integrina que contém uma INTEGRINA ALFAIIB e uma INTEGRINA BETA3 que reconhece a sequência arginina-glicina-ácido aspártico (RGD) presente em várias proteínas de adesão. É um receptor para FIBRINOGÊNIO, FATOR VON WILLWBRAND, FIBRONECTINA, VITRONECTINA e TROMBOSPONDINA. Uma deficiência da GPIIb-IIIa resulta na TROMBASTENIA DE GLANZMANN. .
0.76
385990
 
Desintegrinas .
Disintegrinas .
Família de polipeptídeos purificados do veneno de cobra, que contém a sequência ácido arginina-glicina-aspártico (RGD). O tripeptídeo RGD liga-se aos receptores da integrina e inibe competitivamente o ligante normal da integrina. As desintegrinas, assim, bloqueiam as funções de adesão celular e agem como inibidores de agregação plaquetária. .
0.37
10791
 
Integrina alfa5beta1 .
Receptor de Fibronectina .
Receptores de VLA-5 .
Integrina alfa-5 beta-1 .
Integrina encontrada em FIBROBLASTOS, PLAQUETAS, MONÓCITOS e LINFÓCITOS. A integrina alfa5beta1 é o receptor clássico para a FIBRONECTINA, mas também atua como receptor para a LAMININA e várias outras PROTEÍNAS EXTRACELULARES DE MATRIZ. .
0.33
0971
 
Receptores de Citoadesina .
Receptores de Glicoproteína de Matriz Extracelular .
Grupo de INTEGRINAS que inclui a glicoproteína GPIIb-IIIa (COMPLEXO GLICOPROTEICO GPIIB-IIIA DE PLAQUETA) da membrana externa de plaqueta e o receptor de vitronectina (RECEPTOR DE VITRONECTINA). Desempenham um papel importante na adesão celular e servem como receptores para fibronectina, fator de von Willebrand e vitronectina. .
0.33
4273
 
Glicoproteína IIb da Membrana de Plaquetas .
Glicoproteína IIb da Membrana Plaquetária .
Antígenos CD41 .
Integrina alfaIIb .
Glicoproteína IIb da membrana de plaquetas é uma subunidade da integrina alfa que heterodimeriza com a INTEGRINA BETA3 para formar COMPLEXO GLICOPROTEICO GPIIB-IIIA de PLAQUETAS. É sintetizada como uma cadeia polipeptídica única clivada pós-transducionalmente e processada em duas subunidades ligadas a dissulfeto de aproximadamente 18 e 110 kDa de tamanho. .
0.32
7517
 
Integrinas .
Proteínas de Adesão Celular de Receptores .
Receptores de Moléculas de Adesão Celular .
Família de glicoproteínas transmembranosas (GLICOPROTEÍNAS DE MEMBRANA) consistindo em heterodímeros não covalentes. Elas interagem com uma ampla variedade de ligantes, abrangendo as PROTEÍNAS EXTRACELULARES DE MATRIZ, COMPLEMENTO e outras células, enquanto seus domínios intracelulares interagem com o CITOESQUELETO. As integrinas consistem em pelo menos três famílias identificadas: RECEPTORES DE CITOADESINA, RECEPTORES DE ADESÃO DE LEUCÓCITOS e RECEPTORES DE ANTÍGENOS muito tardios. Cada família contém uma subunidade beta comum (CADEIAS BETA DE INTEGRINAS) combinada com uma ou mais subunidades alfa distintas. Estes receptores participam da adesão célula-célula e célula-matriz em muitos processos fisiologicamente importantes, incluindo o desenvolvimento embrionário, HEMOSTASIA, TROMBOSE, CICATRIZAÇÃO DE FERIDAS, mecanismos de defesa imunológica e não imunológica e transformação oncogênica. .
0.31
9914188