serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D05 Substâncias Macromoleculares .
D05.500 Complexos Multiproteicos .
D05.500.199 Complexos Endossomais de Distribuição Requeridos para Transporte .
D05.500.199.500 Ubiquitina-Proteína Ligases Nedd4 .
D08 Enzimas e Coenzimas .
D08.811 Enzimas .
D08.811.464 Ligases .
D08.811.464.938 Complexos Ubiquitina-Proteína Ligase .
D08.811.464.938.750 Ubiquitina-Proteína Ligases .
D08.811.464.938.750.257 Ubiquitina-Proteína Ligases Nedd4 .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.776 Proteínas .
D12.776.157 Proteínas de Transporte .
D12.776.157.169 Proteínas F-Box .
D12.776.543 Proteínas de Membrana .
D12.776.543.990 Proteínas de Transporte Vesicular .
D12.776.543.990.493 Complexos Endossomais de Distribuição Requeridos para Transporte .
D12.776.543.990.493.500 Ubiquitina-Proteína Ligases Nedd4 .
D12.776.938 Proteínas Ubiquitinadas .
D12.776.947 Ubiquitinas .
D12.776.947.500 Ubiquitina .
G02 Fenômenos Químicos .
G02.111 Fenômenos Bioquímicos .
G02.111.660 Biossíntese Peptídica .
G02.111.660.871 Biossíntese de Proteínas .
G02.111.660.871.790 Modificação Traducional de Proteínas .
G02.111.660.871.790.600 Processamento de Proteína Pós-Traducional .
G02.111.660.871.790.600.925 Ubiquitinação .
G02.111.691 Modificação Traducional de Proteínas .
G02.111.691.600 Processamento de Proteína Pós-Traducional .
G02.111.691.600.775 Ubiquitinação .
G03 Metabolismo .
G03.734 Biossíntese Peptídica .
G03.734.871 Biossíntese de Proteínas .
G03.734.871.790 Modificação Traducional de Proteínas .
G03.734.871.790.600 Processamento de Proteína Pós-Traducional .
G03.734.871.790.600.831 Ubiquitinação .
G05 Fenômenos Genéticos .
G05.308 Regulação da Expressão Gênica .
G05.308.670 Modificação Traducional de Proteínas .
G05.308.670.600 Processamento de Proteína Pós-Traducional .
G05.308.670.600.831 Ubiquitinação .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Complexos Ubiquitina-Proteína Ligase .
Complexos enzimáticos que catalisam a ligação covalente da UBIQUITINA a outras proteínas formando uma ligação peptídica entre a GLICINA C-terminal da UBIQUITINA e os grupos alfa-amino dos resíduos de LISINA na proteína. Os complexos desempenham um papel importante na mediação da degradação seletiva das proteínas anormais e de vida curta. O complexo enzimático pode ser quebrado em três componentes que envolvem a ativação da ubiquitina (ENZIMAS ATIVADORAS DE UBIQUITINA), conjugação da ubiquitina ao complexo ligase (ENZIMAS DE CONJUGAÇÃO DE UBIQUITINA) e ligação da ubiquitina ao substrato proteico (UBIQUITINA-PROTEÍNA LIGASES). .
0.87
11701
 
Ubiquitina-Proteína Ligases .
Ubiquitina-Proteína Ligase .
Ubiquitina Ligase E3 .
Classe diversa de enzimas que interagem com as ENZIMAS DE CONJUGAÇÃO DE UBIQUITINA e substratos proteicos específicos da ubiquitinação. Cada membro deste grupo de enzimas tem sua própria especificidade distinta para um substrato e enzima de conjugação de ubiquitina. As ubiquitina-proteína-ligases existem como proteínas monoméricas e como complexos multiproteicos. .
0.73
1515474
 
Ubiquitinação .
Ato de ligação de UBIQUITINAS a PROTEÍNAS formando complexos ubiquitina-proteína ligase, que marcam as proteínas que deverão ser transportadas para o COMPLEXO ENDOPEPTIDASE PROTEASSOMA, onde ocorre proteólise. .
0.63
38786
 
Ubiquitina-Proteína Ligases Nedd4 .
Proteínas Nedd4 .
Ligase 4 Regulada Negativamente no Desenvolvimento e Expressa por Células Precursoras Neuronais .
Ubiquitina ligases E3 que consiste de quatro DOMÍNIOS WW. Aceitam UBIQUITINA de uma das ENZIMAS DE CONJUGAÇÃO DE UBIQUITINA, a E2, como um tioéster via seus domínios C-terminais HECT e transferi-lo especificamente para o sexagésimo terceiro resíduo de LISINA (Lys-63) ou proteínas alvo. Os alvos NEDD4 incluem muitas proteínas e receptores com funções importantes para o crescimento celular e homeostase como VEGFR-2, FGFR1 TIROSINA QUINASE e RECEPTOR ERBB-4. Desempenham papel crítico na internalização destes receptores, sua degradação pelos LISOSSOMOS e também funcionam como parte do complexo ESCRT na LIBERAÇÃO DE VÍRUS. .
0.59
0633
 
Proteínas F-Box .
Família de proteínas que compartilha os MOTIVOS F-BOX e estão envolvidas com as interações proteína-proteína. Desempenham um importante papel nos processos de ubiquitinação proteica por associação com diversos substratos que, por sua vez, vão resultar em complexos de SCF UBIQUITINA LIGASE. Estas proteínas são mantidas no complexo ubiquitina-ligase via ligação às proteínas com domínio SKP. .
0.59
01858
 
Ubiquitina .
Peptídeo altamente conservado composto por 76 aminoácidos universalmente encontrado nas células de eucariotos que atua como marcador no TRANSPORTE PROTEICO intracelular e na degradação proteica. A ubiquitina torna-se ativada após várias etapas complexas e forma uma ligação isopeptídica com os resíduos de lisina de proteínas específicas na célula. Estas proteínas "ubiquitinadas" podem ser reconhecidas e degradadas por proteossomos ou serem transportadas para compartimentos específicos na célula. .
0.57
2711991
 
Proteínas Ubiquitinadas .
Proteínas modificadas covalentemente com UBIQUITINAS ou PROTEÍNAS SEMELHANTES A UBIQUITINAS. .
0.56
0380