serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

A17 Tegumento Comum .
A17.815 Pele 9781 .
A17.815.180 Derme .
B01 Eucariotos .
B01.050 Animais .
B01.050.150 Cordados .
B01.050.150.200 Cordados não Vertebrados .
B01.050.150.900 Vertebrados .
B01.050.150.900.833 Répteis .
B01.050.150.900.833.672 Serpentes .
B01.050.150.900.833.672.350 Elapidae .
B01.050.500 Invertebrados .
B01.050.500.272 Cordados não Vertebrados .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.100 Angiospermas .
B01.650.940.800.575.100.150 Boraginaceae .
B01.650.940.800.575.100.150.327 Cordia .
C04 Neoplasias .
C04.557 Neoplasias por Tipo Histológico .
C04.557.465 Neoplasias Embrionárias de Células Germinativas .
C04.557.465.220 Cordoma .
C13 Doenças Urogenitais Femininas e Complicações na Gravidez .
C13.703 Complicações na Gravidez .
C13.703.413 Cordão Nucal .
C16 Doenças e Anormalidades Congênitas, Hereditárias e Neonatais .
C16.300 Doenças Fetais .
C16.300.790 Cordão Nucal .
D10 Lipídeos .
D10.390 Glicolipídeos .
D10.390.240 Fatores Corda .
D23 Fatores Biológicos .
D23.946 Toxinas Biológicas .
D23.946.123 Toxinas Bacterianas .
D23.946.123.208 Fatores Corda .
F01 Comportamento e Mecanismos Comportamentais .
F01.145 Comportamento .
F01.145.802 Comportamento Sexual .
F01.145.802.279 Corte .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Cordados .
Chordata .
Filo no domínio Eukarya, que compreende animais com coluna vertebral completamente desenvolvidas (VERTEBRADOS), ou com notocórdios somente durante alguns estágios do desenvolvimento (CORDADOS NAO VERTEBRADOS). .
1.00
0456
 
Cordia .
Babosa-Branca .
Caraíba .
Erva-Baleeira .
Grão-de-Galo .
Grão-de-Porco .
Louro-Pardo .
Louro-Amarelo .
Gênero de plantas (família BORAGINACEAE) cujos membros contêm TRITERPENOS e naftoxireno. .
0.64
983
 
Fatores Corda .
Dimicolatos de Trealose .
Fator Corda .
Fator de Cordão .
Fatores de Cordão .
Fatores Cord .
Glicolipídeos tóxicos compostos por derivados de dimicolato trealose. São produzidos por MYCOBACTERIUM TUBERCULOSIS e outras espécies de MYCOBACTERIUM. Induzem disfunções celulares em animais. .
0.61
4419
 
Cordados não Vertebrados .
Chordata não Vertebrados .
Parte do filo animal Chordata composto por subfilos CEFALOCORDADOS, UROCORDADOS e HYPEROTRETI, mas não inclui Vertebrata (VERTEBRADOS). Inclui os animais não vertebrados que possuem a NOTOCORDA durante alguma fase do desenvolvimento. .
0.58
71110
 
Cordoma .
Tumor maligno originado dos restos embrionários do notocórdio, usualmente ao longo da sela ou na região sacrococcígea. Também é chamado de cordocarcinoma e cordoepitelioma e notocordoma. (Dorland, 28a ed) .
0.58
582687
 
Derme .
Cório .
Corium .
Camada de tecido conjuntivo vascularizado abaixo da EPIDERME. A superfície da derme contém papilas inervadas. Na derme (ou abaixo dela) encontram-se GLÂNDULAS SUDORÍPARAS, folículos pilosos (FOLÍCULO PILOSO) e GLÂNDULAS SEBÁCEAS. .
0.57
564320
 
Elapidae .
Elapídeos .
Cobra Coral .
Coral .
Dendroaspis .
Mamba .
Micrurus .
Hidrofídeos .
Hydrophiinae .
Serpentes Marinhas .
Hydrophidae .
Naja naja .
Hemachatus .
Naja 19639 .
Cobra Asiática .
Boulengerina .
Cobras .
Família de cobras extremamente venenosas, compreendendo a coral, najas, mambas, kraits e serpentes marinhas. São amplamente distribuídos, sendo encontrados no sul dos Estados Unidos, América do Sul, África, sul da Ásia, Austrália e ilhas do Pacífico. Os elapídeos incluem três subfamílias: Elapinae, Hydrophiinae e Lauticaudinae. Como os viperídeos, possuem ferrões venenosos na parte frontal da mandíbula superior. As mambas da África são as mais perigosas de todas as cobras por seu tamanho, velocidade e veneno altamente tóxico. .
0.56
781087
 
Corte .
Atividades planejadas para atrair a atenção ou agrado do outro. .
0.55
291957
 
Cordão Nucal .
Cordão Enrolado .
Cordão Umbilical Enrolado .
Complicação da gravidez na qual o CORDAL UMBILICAL se enrola ao redor do pescoço do feto por uma ou mais vezes. Em alguns casos, o enrolamento do cordão ao redor do pescoço do feto pode não afetar significativamente a gravidez. Em outros casos, o cordão nucal pode restringir o fluxo sanguíneo, transporte de oxigênio, desenvolvimento e o movimento fetal, e gerar complicações durante o parto. .
0.55
175