serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

B01 Eucariotos .
B01.050 Animais .
B01.050.150 Cordados .
B01.050.150.900 Vertebrados .
B01.050.150.900.649 Mamíferos .
B01.050.150.900.649.313 Eutérios .
B01.050.150.900.649.313.968 Lagomorpha .
B01.050.150.900.649.313.968.400 Lebres .
B01.050.150.900.649.313.992 Roedores .
B01.050.150.900.649.313.992.419 Dasyproctidae .
B01.050.500 Invertebrados .
B01.050.500.131 Artrópodes .
B01.050.500.131.617 Insetos .
B01.050.500.131.617.576 Lepisma .
B04 Vírus .
B04.280 Vírus de DNA .
B04.280.210 Vírus de DNA Tumorais .
B04.280.210.600 Leporipoxvirus .
B04.280.650 Poxviridae .
B04.280.650.160 Chordopoxvirinae .
B04.280.650.160.500 Leporipoxvirus .
B04.613 Vírus Oncogênicos .
B04.613.204 Vírus de DNA Tumorais .
B04.613.204.600 Leporipoxvirus .
C01 Infecções Bacterianas e Micoses .
C01.252 Infecções Bacterianas .
C01.252.410 Infecções por Bactérias Gram-Positivas .
C01.252.410.040 Infecções por Actinomycetales .
C01.252.410.040.552 Infecções por Mycobacterium .
C01.252.410.040.552.386 Hanseníase .
C07 Doenças Estomatognáticas .
C07.465 Doenças da Boca .
C07.465.409 Doenças Labiais .
C07.465.409.225 Fenda Labial .
C07.465.525 Anormalidades da Boca .
C07.465.525.164 Fenda Labial .
C07.650 Anormalidades do Sistema Estomatognático .
C07.650.525 Anormalidades da Boca .
C07.650.525.164 Fenda Labial .
C16 Doenças e Anormalidades Congênitas, Hereditárias e Neonatais .
C16.131 Anormalidades Congênitas .
C16.131.850 Anormalidades do Sistema Estomatognático .
C16.131.850.525 Anormalidades da Boca .
C16.131.850.525.164 Fenda Labial .
D06 Hormônios, Substitutos de Hormônios e Antagonistas de Hormônios .
D06.472 Hormônios .
D06.472.699 Hormônios Peptídicos .
D06.472.699.042 Adipocinas .
D06.472.699.042.500 Leptina .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.276 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D12.644.276.024 Adipocinas .
D12.644.276.024.500 Leptina .
D12.644.548 Hormônios Peptídicos .
D12.644.548.011 Adipocinas .
D12.644.548.011.500 Leptina .
D12.776 Proteínas .
D12.776.467 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D12.776.467.024 Adipocinas .
D12.776.467.024.500 Leptina .
D23 Fatores Biológicos .
D23.529 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D23.529.024 Adipocinas .
D23.529.024.500 Leptina .
N02 Instituições de Saúde, Recursos Humanos e Serviços .
N02.278 Instalações de Saúde .
N02.278.524 Hospitais de Dermatologia Sanitária de Patologia Tropical .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.001 Saúde .
SP4.001.012 Doença Ambiental .
SP4.001.012.148 Doenças Transmissíveis .
SP4.001.012.148.164 Hanseníase .
VS3 Vigilância Sanitária de Serviços de Saúde .
VS3.002 Instalações de Saúde .
VS3.002.001 Hospitais .
VS3.002.001.015 Hospitais de Dermatologia Sanitária de Patologia Tropical .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Dasyproctidae .
Cotias .
Cutia Brasileira .
Cutias .
Aguti .
Cutias Brasileiras .
Dasiproctídeos .
Dasyprocta .
Dasyprocta leporina .
Myoprocta .
Cutiara .
Cutiaras .
Myoprocta acouchy .
Myoprocta pratti .
Família de roedores herbívoros da América Central e do Sul que compreende os gêneros Dasyprocta (agoutis) e Myoprocta. Assemelham-se a porquinhos-da-índia (COBAIAS), porém são maiores e possuem pernas mais compridas. Seu pelo é avermelhado ou marrom escuro. .
1.00
2116
 
Fenda Labial .
Fissura Labial .
Lábio Leporino .
Lábio Fissurado .
Defeito congênito do lábio superior onde a proeminência maxilar deixa de se fundir com as proeminências nasais medianas fundidas. Acredita-se que seja causado pela migração defeituosa do mesoderma para a região da cabeça. .
0.45
85712408
 
Leptina .
Proteína Bloqueadora da Sensação de Fome .
Proteína Ob .
Proteína Antiobesidade .
PROTEÍNA BLOQUEADORA DA SENSAÇÃO DE F0ME .
Hormônio peptídico de 16 kDa secretado por ADIPÓCITOS BRANCOS. A leptina serve como um sinal de retroalimentação de células adiposas ao SISTEMA NERVOSO CENTRAL que regula a ingestão alimentar, equilíbrio energético, e armazenamento de gordura. .
0.44
27821177
 
Hanseníase .
Lepra .
Doença de Hansen .
Infecção granulomatosa crônica causada pelo MYCOBACTERIUM LEPRAE. As lesões granulomatosas são manifestadas na pele, nas mucosas e nos nervos periféricos. Há dois tipos polares ou principais: a lepromatosa e a tuberculoide. .
0.43
 
Lebres .
Lebre Americana .
Lepus .
Grande Coelho Americano .
Gênero Lepus (família Leporidae, ordem LAGOMORPHA) cujas lebres nascem abaixo do solo, completamente coberta de pelos e com olhos e orelhas abertos. Contrariamente aos COELHOS, as lebres têm 24 pares de cromossomos. .
0.41
4357
 
Leporipoxvirus .
Vírus de Fibroma de Coelhos, Lebres e Esquilos .
Vírus de Fibroma de Leporídeos e Esquilos .
Vírus de Mixoma de Coelhos, Lebres e Esquilos .
Vírus de Mixoma de Leporídeos e Esquilos .
Gênero da família POXVIRIDAE, subfamília CHORDOPOXVIRINAE, que consiste de vírus sensíveis ao éter, que infectam leporídeos (como coelhos e lebres) e esquilos. Comumente causam tumores e são geralmente transmitidos mecanicamente por artrópodes. A espécie típica é o VÍRUS DO MYXOMA. .
0.41
012
 
Hospitais de Dermatologia Sanitária de Patologia Tropical .
Hospitais de Dermatologia .
Leprosário .
LEPROSÁRIOS .
COLÔNIAS DE HANSENIANOS .
Centros residenciais para tratamento de pessoas com hanseníase. .
0.39
43253
 
Lepisma .
Lepisma saccharina .
Peixinhho-de-Prata .
Traça .
Inseto noturno pequeno e sem asas de contorno afilado. .
0.38
10