serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

A03 Sistema Digestório .
A03.556 Trato Gastrointestinal .
A03.556.124 Intestinos .
A03.556.124.526 Intestino Grosso .
A03.556.124.526.070 Canal Anal .
A03.556.249 Trato Gastrointestinal Inferior .
A03.556.249.249 Intestino Grosso .
A03.556.249.249.070 Canal Anal .
A11 Células .
A11.118 Células Sanguíneas .
A11.118.290 Eritrócitos .
A11.118.290.330 Eritrócitos Anormais .
A11.118.290.330.802 Esferócitos .
A11.251 Células Cultivadas .
A11.251.800 Esferoides Celulares .
A11.284 Estruturas Celulares .
A11.284.430 Espaço Intracelular .
A11.284.430.214 Citoplasma .
A11.284.430.214.190 Estruturas Citoplasmáticas .
A11.284.430.214.190.875 Organelas .
A11.284.430.214.190.875.393 Gotículas Lipídicas .
A11.443 Células Eritroides .
A11.443.240 Eritrócitos .
A11.443.240.330 Eritrócitos Anormais .
A11.443.240.330.802 Esferócitos .
A15 Sistemas Sanguíneo e Imunológico .
A15.145 Sangue .
A15.145.229 Células Sanguíneas .
A15.145.229.334 Eritrócitos .
A15.145.229.334.330 Eritrócitos Anormais .
A15.145.229.334.330.802 Esferócitos .
B01 Eucariotos .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.137 Briófitas .
B01.650.940.800.575.137.750 Sphagnopsida .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.300 Cucurbitaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.300.522 Luffa .
G11 Fenômenos Fisiológicos Musculoesqueléticos e Neurais .
G11.427 Fenômenos Fisiológicos Musculoesqueléticos .
G11.427.683 Esforço Físico .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.011 Ciência .
SP4.011.112 Física .
SP4.011.112.293 Esfriamento .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Sphagnopsida .
Esfagno .
Esfagnópsidas .
Musgo Sphagnum .
Musgo Esfagno .
Musgo-do-Brejo .
Musgos-do-Brejo .
Musgos-d'Água .
Musgos de Turfeira .
Sphagnum .
Classe de BRYOPHYTA que é mais conhecida como "esfagnos" [do gênero Sphagnum] formadores de lodaçais de TURFA. .
1.00
3319
 
Esforço Físico .
Esforço .
Gasto de energia durante ATIVIDADE MOTORA. A intensidade do esforço pode ser medida pela taxa de CONSUMO DE OXIGÊNIO, CALOR produzido ou FREQUÊNCIA CARDÍACA. O esforço percebido, uma medida psicológica do esforço, também é incluído. .
0.54
56152312
 
Esferoides Celulares .
Esferoides Tumorais .
Esferoides .
Agregados, heterogêneos e esféricos, de células em proliferação, quiescentes e necróticas em culturas que conservam a arquitetura tridimensional e as funções específicas do tecido. A habilidade em formar esferoides é um traço característico de CÉLULAS TUMORAIS CULTIVADAS derivadas de TUMORES sólidos. Células de tecidos normais também podem formar esferoides. Estas células representam um modelo in vitro para estudos da biologia tanto de células normais como malignas. (Tradução livre do original: From Bjerkvig, Spheroid Culture in Cancer Research, 1992, p4) .
0.50
73835
 
Luffa .
Bucha Vegetal .
Abobrinha-do-Norte .
Buchinha-do-Norte .
Purga-de-Paulista .
Bucha-dos-Paulistas .
Bucha-dos-Caçadores .
Purga-de-João-Pais .
Cabacinho .
Cabacinha .
Luffa cylindrica .
Bucha .
Esfregão .
Maxixe-do-Pará .
Pepino-Bravo .
Luffa aegyptiaca .
Gombô-Grande .
Esponja Vegetal .
Momordica luffa .
Purga-dos-Paulistas .
Bucha-dos-Paulsitas .
Abobrinha-Do Norte .
Gênero de plantas da família CUCURBITACEAE conhecidas pelo fruto, que é fonte da esponja vegetal e das sementes contendo lufina. .
0.49
11107
 
Esferócitos .
Células sanguíneas vermelhas anormais, esféricas e pequenas, com maior quantidade de hemoglobina. .
0.49
2168
 
Canal Anal .
Glândula Anal Humana .
Esfíncter Anal .
Esfíncter Anal Externo .
Esfíncter Anal Interno .
Esfíncter Detrusor Externo .
Ânus 784 .
Esfíncter .
Glândula Anal .
Segmento terminal do INTESTINO GROSSO, começando na ampola do RETO e terminando no ânus. .
0.49
57614545
 
Esfriamento .
0.48
 
Gotículas Lipídicas .
Esferossomos .
Organelas citoplasmáticas dinâmicas encontradas em quase todas as células. Consistem de um cerne central de LIPÍDEOS circundado por uma monocamada de fosfolipídeos cravejada de proteínas de superfície e estão envolvidas no METABOLISMO DOS LIPÍDEOS e em reserva. .
0.47
5666