serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.776 Proteínas .
D12.776.543 Proteínas de Membrana .
D12.776.543.750 Receptores de Superfície Celular .
D12.776.543.750.670 Receptores de Amina Biogênica .
D12.776.543.750.670.450 Receptores Histamínicos .
D12.776.543.750.670.450.300 Receptores Histamínicos H1 .
D12.776.543.750.695 Receptores Acoplados a Proteínas-G .
D12.776.543.750.695.350 Receptores Histamínicos H1 .
D12.776.543.750.720 Receptores de Neurotransmissores .
D12.776.543.750.720.480 Receptores Histamínicos .
D12.776.543.750.720.480.300 Receptores Histamínicos H1 .
D27 Ações Químicas e Utilizações .
D27.505 Ações Farmacológicas .
D27.505.519 Mecanismos Moleculares de Ação Farmacológica .
D27.505.519.625 Neurotransmissores .
D27.505.519.625.375 Histamínicos .
D27.505.519.625.375.425 Antagonistas dos Receptores Histamínicos .
D27.505.519.625.375.425.400 Antagonistas dos Receptores Histamínicos H1 .
D27.505.696 Efeitos Fisiológicos de Drogas .
D27.505.696.577 Neurotransmissores .
D27.505.696.577.375 Histamínicos .
D27.505.696.577.375.425 Antagonistas dos Receptores Histamínicos .
D27.505.696.577.375.425.400 Antagonistas dos Receptores Histamínicos H1 .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Antagonistas dos Receptores Histamínicos .
Antagonistas da Histamina .
Antagonistas Histamínicos .
Anti-Histaminas .
Anti-Histamínicos .
Anti-Histamínico .
Antagonistas de Histamina .
Fármacos que se ligam a receptores da histamina, bloqueando assim a ação da histamina ou de agonistas histamínicos, sem ativação dos referidos receptores. Os anti-histamínicos clássicos bloqueiam somente os receptores H1 da histamina. .
0.68
 
Receptores Histamínicos .
Sítios de Ligação de Histamina .
Receptores da Histamina .
Receptores de Histamina .
Proteínas de superfície celular que se ligam à histamina e desencadeiam mudanças intracelulares influenciando o comportamento das células. Os receptores histamínicos encontram-se dispersos nos sistemas nervoso central e periférico. Três tipos foram reconhecidos e designados como H1, H2 e H3. Eles diferem entre si na farmacologia, distribuição e modo de ação. .
0.56
 
Receptores Histamínicos H1 .
Receptores H1 da Histamina .
Receptores H1 de Histamina .
Receptores de Histamina H1 .
Classe de receptores de histamina discriminados pela sua farmacologia e modo de ação. Muitos receptores histamínicos H1 operam através do sistema de segundos mensageiros inositol fosfato/diacilglicerol. Entre as várias respostas mediadas por esses receptores estão a contração do músculo liso, aumento da permeabilidade vascular, liberação de hormônio e neoglicogênese cerebral. (Tradução livre do original: Biochem Soc Trans 1992 Feb;20(1):122-5) .
0.53
 
Antagonistas dos Receptores Histamínicos H1 .
Anti-Histamínicos Clássicos .
Anti-Histamínicos H1 .
Antagonistas dos Receptores H1 de Histamina .
Bloqueadores dos Receptores Histamínicos H1 .
Bloqueadores dos Receptores H1 de Histamina .
Anti-Histaminas Clássicas .
Antagonistas dos Receptores H1 .
Fármacos que se ligam seletivamente aos receptores H1 da histamina, bloqueando assim a ação da histamina endógena, mas sem ativar os receptores H1. Estão incluídos aqui os anti-histamínicos clássicos que antagonizam ou impedem a ação da histamina principalmente na hipersensibilidade imediata. Eles agem nos brônquios, nos capilares, e sobre alguns outros músculos lisos, sendo usados para impedir ou aliviar o enjoo que ocorre durante a viagem (motion sickness), a rinite sazonal, a dermatite alérgica e ainda para induzir sonolência. Os efeitos do bloqueio dos receptores H1 do sistema nervoso central ainda não são bem compreendidos. .
0.51