serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

A11 Células .
A11.284 Estruturas Celulares .
A11.284.180 Extensões da Superfície Celular .
A11.284.180.290 Flagelos .
B01 Eucariotos .
B01.050 Animais .
B01.050.150 Cordados .
B01.050.150.900 Vertebrados .
B01.050.150.900.090 Anfíbios .
B01.050.150.900.090.180 Anuros .
B01.050.150.900.090.180.708 Ranidae .
B01.050.150.900.090.180.708.360 Rana ridibunda .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.100 Asteraceae .
B01.650.940.800.575.912.250.100.349 Flaveria .
B04 Vírus .
B04.820 Vírus de RNA .
B04.820.250 Flaviviridae .
C10 Doenças do Sistema Nervoso .
C10.228 Doenças do Sistema Nervoso Central .
C10.228.228 Infecções do Sistema Nervoso Central .
C10.228.228.800 Doenças Priônicas .
C10.228.228.800.717 Scrapie .
C10.574 Doenças Neurodegenerativas .
C10.574.843 Doenças Priônicas .
C10.574.843.850 Scrapie .
C22 Doenças dos Animais .
C22.836 Doenças dos Ovinos .
C22.836.799 Scrapie .
C23 Condições Patológicas, Sinais e Sintomas .
C23.888 Sinais e Sintomas .
C23.888.821 Sinais e Sintomas Digestórios .
C23.888.821.360 Flatulência .
D03 Compostos Heterocíclicos .
D03.633 Compostos Heterocíclicos de Anéis Fundidos .
D03.633.100 Compostos Heterocíclicos com 2 Anéis .
D03.633.100.733 Pteridinas .
D03.633.100.733.315 Flavinas .
D03.633.300 Compostos Heterocíclicos com 3 Anéis .
D03.633.300.046 Acridinas .
D03.633.300.046.250 Aminoacridinas .
D03.633.300.046.250.177 Acriflavina .
D03.633.300.507 Flavinas .
D08 Enzimas e Coenzimas .
D08.211 Coenzimas .
D08.211.474 Flavinas .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.776 Proteínas .
D12.776.097 Proteínas de Bactérias .
D12.776.097.380 Flagelina .
D23 Fatores Biológicos .
D23.767 Pigmentos Biológicos .
D23.767.405 Flavinas .
HP4 Materia Medica .
HP4.018 Medicamento Homeopático .
HP4.018.282 Medicamento Homeopático F .
HP4.018.282.645 Flavus .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Flatulência .
Gases Intestinais .
Flato .
Produção ou presença de gás no trato gastrintestinal que pode ser expelido através do ânus. .
0.52
371213
 
Flaviviridae .
Agentes da Hepatite GB .
Família de vírus RNA, muitos dos quais causam doenças em humanos e animais domésticos. Há três gêneros (FLAVIVIRUS, PESTIVIRUS e HEPACIVÍRUS) e várias espécies ainda não vinculadas [a um gênero]. .
0.45
331158
 
Rana ridibunda .
Espécie da família Ranidae que ocorre primariamente na Europa e é amplamente utilizada em pesquisa biomédica. .
0.45
01211
 
Scrapie .
Rida 9584 .
Doença fatal do sistema nervoso de ovelhas e cabras, caracterizada por prurido, debilidade e descoordenação locomotora. É causada por partículas infecciosas proteináceas chamadas PRIONS. .
0.45
173152
 
Flaveria .
Gênero de plantas (família ASTERACEAE) utilizadas para experimentos em estudos de genética molecular, em fisiologia e desenvolvimento de plantas. .
0.44
092
 
Acriflavina .
Xantacridino .
Euflavina .
FLAVACRÍDIO .
Cloreto de 3,6-diamino-10-metilacridínio misturado com 3,6-acridinodiamina. Corante fluorescente usado como antisséptico local e também como corante biológico. Intercala-se nos ácidos nucleicos, daí inibindo a replicação bacteriana e viral. .
0.43
4446
 
Flavinas .
Derivados do esqueleto da dimetilisoaloxazina (7,8-dimetilbenzo[g]pteridina-2,4(3H,10H)-diona). Os derivados da flavina servem como transferidores de elétrons atuando sobre as FLAVOPROTEÍNAS como co-fatores de enzimas. .
0.43
12813
 
Flagelos .
Apêndice móvel (forma de chicote) presente na superfície das células. Os flagelos dos procariotos são compostos por uma proteína chamada FLAGELINA. As bactérias podem apresentar um único flagelo (um tufo em um polo) ou múltiplos flagelos revestindo totalmente sua superfície. Em eucariotos, os flagelos são extensões filamentosas protoplasmáticas utilizadas para propelir flagelados e espermatozoides. Os flagelos apresentam a mesma estrutura básica dos CÍLIOS, mas proporcionalmente são mais longos que a célula que os possuem e apresentam-se em muito menor número. (Tradução livre do original: King & Stansfield, A Dictionary of Genetics, 4th ed). .
0.42
217901
 
Flavus .
Neisseria flava .
Neisseria pharingis .
Medicamento homeopático. Neisseria flava. Abrev.: "flav.". Origem animal. Substância utilizada: cocos Gram-positivos saprófitas aeróbios das vias aéreas superiores do homem. .
0.42
00
 
Flagelina .
Proteína com peso molecular de 40.000 Da isolada de bactérias flageladas. Sob pH e concentração de sais apropriados, três monômeros de flagelinas podem reagregar-se espontaneamente para formar estruturas que parecem idênticas ao flagelo intacto. .
0.41
163191