serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

C10 Doenças do Sistema Nervoso .
C10.228 Doenças do Sistema Nervoso Central .
C10.228.140 Encefalopatias .
C10.228.140.300 Transtornos Cerebrovasculares .
C10.228.140.300.150 Isquemia Encefálica .
C14 Doenças Cardiovasculares .
C14.907 Doenças Vasculares .
C14.907.253 Transtornos Cerebrovasculares .
C14.907.253.092 Isquemia Encefálica .
C23 Condições Patológicas, Sinais e Sintomas .
C23.550 Processos Patológicos .
C23.550.513 Isquemia .
C23.550.513.355 Infarto .
C23.550.717 Necrose .
C23.550.717.489 Infarto .
E04 Procedimentos Cirúrgicos Operatórios .
E04.100 Procedimentos Cirúrgicos Cardiovasculares .
E04.100.700 Reperfusão .
E05 Técnicas de Pesquisa .
E05.680 Perfusão .
E05.680.730 Reperfusão .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.026 Esgotos .
SP4.026.287 Lodos (Saúde Ambiental) .
SP4.026.287.598 Lodos Ativados .
SP4.026.287.598.149 Lodos Ativados por Aeração Prolongada .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Infarto .
Enfartação .
Enfartamento .
Enfarte .
Enfarto .
Infartação .
Infarte .
Formação do infarto, que é NECROSE no tecido, causado por ISQUEMIA local devido à obstrução da CIRCULAÇÃO SANGUÍNEA, geralmente por TROMBOSE ou EMBOLIA. .
0.74
1496302
 
Lodos Ativados por Aeração Prolongada .
C.A.O. .
Lodos Ativados por Tanques de Oxidação .
0.34
 
Isquemia Encefálica .
Isquemia Cerebral .
Encefalopatia Isquêmica .
Redução localizada do fluxo sanguíneo em tecidos encefálicos, devido à obstrução arterial ou hipoperfusão sistêmica. Ocorre frequentemente em conjunto com a HIPÓXIA ENCEFÁLICA. A isquemia prolongada está associada com INFARTO ENCEFÁLICO. .
0.32
52643711
 
Reperfusão .
Restauração de suprimento sanguíneo ao tecido que está isquêmico devido à diminuição normal do suprimento sanguíneo. A diminuição pode ser resultante de qualquer origem, incluindo uma obstrução aterosclerótica, estreitamento da artéria ou pinçamento cirúrgico. É principalmente um procedimento para tratamento de infarto ou outras isquemias, por tornar viável a recuperação do tecido isquêmico, limitando deste modo o aparecimento de necrose. Contudo, tem-se pensado que a reperfusão possa, além disso, danificar o tecido isquêmico, causando LESÃO POR REPERFUSÃO. .
0.31
1914522