serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D06 Hormônios, Substitutos de Hormônios e Antagonistas de Hormônios .
D06.347 Antagonistas de Hormônios .
D06.347.710 Antagonistas de Prostaglandina .
D10 Lipídeos .
D10.251 Ácidos Graxos .
D10.251.355 Ácidos Graxos Insaturados .
D10.251.355.255 Eicosanoides .
D10.251.355.255.550 Prostaglandinas .
D10.251.355.255.550.100 Prostaglandinas A .
D10.251.355.255.550.250 Prostaglandinas E .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.776 Proteínas .
D12.776.543 Proteínas de Membrana .
D12.776.543.750 Receptores de Superfície Celular .
D12.776.543.750.695 Receptores Acoplados a Proteínas-G .
D12.776.543.750.695.200 Receptores Eicosanoides .
D12.776.543.750.695.200.700 Receptores de Prostaglandina .
D23 Fatores Biológicos .
D23.469 Mediadores da Inflamação .
D23.469.050 Autacoides .
D23.469.050.175 Eicosanoides .
D23.469.050.175.725 Prostaglandinas .
D23.469.050.175.725.100 Prostaglandinas A .
D23.469.050.175.725.250 Prostaglandinas E .
D27 Ações Químicas e Utilizações .
D27.505 Ações Farmacológicas .
D27.505.519 Mecanismos Moleculares de Ação Farmacológica .
D27.505.519.389 Inibidores Enzimáticos .
D27.505.519.389.310 Inibidores de Ciclo-Oxigenase .
D27.505.519.389.745 Inibidores de Proteases .
D27.505.696 Efeitos Fisiológicos de Drogas .
D27.505.696.399 Hormônios, Substitutos de Hormônios e Antagonistas de Hormônios .
D27.505.696.399.450 Antagonistas de Hormônios .
D27.505.696.399.450.710 Antagonistas de Prostaglandina .
D27.505.696.663 Fármacos do Sistema Nervoso Periférico .
D27.505.696.663.850 Fármacos do Sistema Sensorial .
D27.505.696.663.850.014 Analgésicos .
D27.505.696.663.850.014.040 Analgésicos não Entorpecentes .
D27.505.696.663.850.014.040.500 Anti-Inflamatórios não Esteroides .
D27.505.696.663.850.014.040.500.500 Inibidores de Ciclo-Oxigenase .
D27.505.954 Usos Terapêuticos .
D27.505.954.158 Anti-Inflamatórios .
D27.505.954.158.030 Anti-Inflamatórios não Esteroides .
D27.505.954.158.030.500 Inibidores de Ciclo-Oxigenase .
D27.505.954.329 Antirreumáticos .
D27.505.954.329.030 Anti-Inflamatórios não Esteroides .
D27.505.954.329.030.500 Inibidores de Ciclo-Oxigenase .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Antagonistas de Prostaglandina .
Inibidores de Prostaglandina .
Compostos que inibem a ação das prostaglandinas. .
1.00
 
Inibidores de Ciclo-Oxigenase .
Inibidores de Cicloxigenase .
Inibidores de Prostatlandina Endoperóxido-Sintase .
Inibidores de Prostaglandina Sintase .
Antagonistas da Síntese da Prostaglandina .
Inibidores de Ciclooxigenase .
Compostos ou agentes que combinam com a ciclo-oxigenase (PROSTAGLANDINA-ENDOPERÓXIDO SINTASE) e assim impedem a sua combinação substrato-enzima com o ácido araquidônico, e a formação de eicosanoides, prostaglandinas e tromboxanos. .
0.88
 
Prostaglandinas .
Grupo de compostos derivados do ácido graxo insaturado de vinte carbonos, geralmente o ácido araquidônico, através da via da cicloxigenase. São mediadores potentes de um grupo diverso de processos biológicos. .
0.69
 
Inibidores de Proteases .
Inibidor de Protease .
Inibidor de Proteases .
Inibidores de Endopeptidases .
Inibidores de Peptidases .
Inibidores de Peptídeo Hidrolases .
Inibidores de Peptídeo Peptidoidrolases .
Antagonistas de Proteases .
Inibidores de Proteinases .
INIBIDORES DE PEPTÍDIO HIDROLASES .
INIBIDORES DE PEPTÍDIO PEPTIDOIDROLASES .
INIBIDORES DA PROTEASE .
INIBIDORES DO PEPTÍDIO HIDROLASE .
INIBIDORES DA PEPTIDASE .
INIBIDORES DO PEPTÍDIO PEPTIDOIDROLASE .
ANTAGONISTAS DA PROTEASE .
INIBIDORES DA PROTEINASE .
INIBIDORES DE ENDOPEPTIDASE .
Compostos que inibem ou antagonizam a biossíntese ou ações de proteases (ENDOPEPTIDASES). .
0.67
 
/antagonistas & inibidores .
/antagonistas e inibidores .
/antagonistas .
/inibidores .
Usado com compostos químicos, fármacos e substâncias endógenas para indicar substâncias ou agentes que neutralizam seus efeitos biológicos por qualquer mecanismo. .
0.64
 
Receptores de Prostaglandina .
Receptores de superfície celular que ligam prostaglandinas com alta afinidade e desencadeiam mudanças intracelulares que influenciam o comportamento das células. Os subtipos de receptores de prostaglandinas foram empiricamente denominados de acordo com as suas afinidades relativas pelas prostaglandinas endógenas. Incluem-se aqueles que preferem a prostaglandina D2 (receptores DP), prostaglandinas E2 (receptores EP1, EP2 e EP3), prostaglandina F2-alfa (receptores FP) e prostaciclinas (receptores IP). .
0.63
 
Prostaglandinas E .
PGE 8768 .
Ácido (11 alfa,13E,15S)-11,15-di-hidroxi-9-oxoprost-13-en-1-oico (PGE(1)); ácido (5Z,11 alfa,13E,15S)-11,15-di-hidroxi-9-oxoprosta-5,13-dien-1-oico )PGE(2)); ácido (5Z,11 alfa,13E,17Z)-11,15-di-hidroxi-9-oxoprosta-5,13,17-trien-1-oico (PGE(3)). Três das seis prostaglandinas encontradas na natureza. São consideradas primárias no sentido de que nenhuma é derivada da outra em organismos vivos. Originalmente isolada das vesículas e fluidos seminais de carneiro, são encontradas em muitos tecidos e órgãos e participam como mediadoras em muitas atividades fisiológicas. .
0.63
 
Prostaglandinas A .
PGA 8764 .
Ácido (13E,15S)-15-hidroxi-9-oxoprosta-10,13-dien-1-oico (PGA(1)), ácido (5Z,13E,15S)-15-hidroxi-9-oxoprosta-5,10,13-trien-1-oico (PGA(2)), ácido (5Z,13E,15S,17Z)-15-hidroxi-9-oxoprosta-5,10,13,17-tetraen-1-oico (PGA(3)). Grupo de prostaglandinas secundárias derivadas do PGE, encontradas na natureza. PGA(1) e PGA(2), bem como seus derivados hidróxi-19, são encontrados em muitos órgãos e tecidos. .
0.63