serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

B01 Eucariotos .
B01.050 Animais .
B01.050.150 Cordados .
B01.050.150.900 Vertebrados .
B01.050.150.900.649 Mamíferos .
B01.050.150.900.649.313 Eutérios .
B01.050.150.900.649.313.750 Carnívoros .
B01.050.150.900.649.313.750.600 Caniformia .
B01.050.150.900.649.313.750.600.575 Mustelidae .
B01.050.150.900.649.313.750.600.575.600 Lontras .
B01.050.500 Invertebrados .
B01.050.500.131 Artrópodes .
B01.050.500.131.617 Insetos .
B01.050.500.131.617.720 Pterigotos .
B01.050.500.131.617.720.500 Neópteros .
B01.050.500.131.617.720.500.500 Holometábolos .
B01.050.500.131.617.720.500.500.750 Dípteros .
B01.050.500.131.617.720.500.500.750.781 Psychodidae .
C04 Neoplasias .
C04.557 Neoplasias por Tipo Histológico .
C04.557.475 Neoplasias de Tecido Gonadal .
C04.557.475.750 Tumores do Estroma Gonadal e dos Cordões Sexuais .
C04.557.475.750.751 Luteoma .
C04.588 Neoplasias por Localização .
C04.588.322 Neoplasias das Glândulas Endócrinas .
C04.588.322.455 Neoplasias Ovarianas .
C04.588.322.455.464 Luteoma .
C13 Doenças Urogenitais Femininas e Complicações na Gravidez .
C13.351 Doenças Urogenitais Femininas .
C13.351.500 Doenças dos Genitais Femininos .
C13.351.500.056 Doenças dos Anexos .
C13.351.500.056.630 Doenças Ovarianas .
C13.351.500.056.630.705 Neoplasias Ovarianas .
C13.351.500.056.630.705.464 Luteoma .
C13.351.937 Neoplasias Urogenitais .
C13.351.937.418 Neoplasias dos Genitais Femininos .
C13.351.937.418.685 Neoplasias Ovarianas .
C13.351.937.418.685.464 Luteoma .
C19 Doenças do Sistema Endócrino .
C19.344 Neoplasias das Glândulas Endócrinas .
C19.344.410 Neoplasias Ovarianas .
C19.344.410.464 Luteoma .
C19.391 Transtornos Gonadais .
C19.391.630 Doenças Ovarianas .
C19.391.630.705 Neoplasias Ovarianas .
C19.391.630.705.464 Luteoma .
D01 Compostos Inorgânicos .
D01.268 Elementos .
D01.268.558 Metais Terras Raras .
D01.268.558.362 Elementos da Série dos Lantanídeos .
D01.268.558.362.562 Lutécio .
D01.268.956 Elementos de Transição .
D01.268.956.311 Lutécio .
D01.552 Metais .
D01.552.550 Metais Terras Raras .
D01.552.550.399 Elementos da Série dos Lantanídeos .
D01.552.550.399.562 Lutécio .
D02 Compostos Orgânicos .
D02.455 Hidrocarbonetos .
D02.455.326 Hidrocarbonetos Acíclicos .
D02.455.326.271 Alcenos .
D02.455.326.271.665 Polienos .
D02.455.326.271.665.202 Carotenoides .
D02.455.326.271.665.202.868 Xantofilas .
D02.455.326.271.665.202.868.500 Luteína .
D02.455.426 Hidrocarbonetos Cíclicos .
D02.455.426.392 Hidrocarbonetos Alicíclicos .
D02.455.426.392.368 Cicloparafinas .
D02.455.426.392.368.367 Cicloexanos .
D02.455.426.392.368.367.379 Cicloexenos .
D02.455.426.392.368.367.379.249 Carotenoides .
D02.455.426.392.368.367.379.249.887 Xantofilas .
D02.455.426.392.368.367.379.249.887.500 Luteína .
D02.455.849 Terpenos .
D02.455.849.131 Carotenoides .
D02.455.849.131.868 Xantofilas .
D02.455.849.131.868.500 Luteína .
D03 Compostos Heterocíclicos .
D03.383 Compostos Heterocíclicos com 1 Anel .
D03.383.663 Piranos .
D03.383.663.283 Benzopiranos .
D03.383.663.283.266 Cromonas .
D03.383.663.283.266.450 Flavonoides .
D03.383.663.283.266.450.260 Flavonas .
D03.383.663.283.266.450.260.555 Luteolina .
D03.633 Compostos Heterocíclicos de Anéis Fundidos .
D03.633.100 Compostos Heterocíclicos com 2 Anéis .
D03.633.100.150 Benzopiranos .
D03.633.100.150.266 Cromonas .
D03.633.100.150.266.450 Flavonoides .
D03.633.100.150.266.450.260 Flavonas .
D03.633.100.150.266.450.260.555 Luteolina .
D06 Hormônios, Substitutos de Hormônios e Antagonistas de Hormônios .
D06.472 Hormônios .
D06.472.699 Hormônios Peptídicos .
D06.472.699.322 Gonadotropinas .
D06.472.699.322.576 Gonadotropinas Hipofisárias .
D06.472.699.322.576.463 Hormônio Luteinizante .
D06.472.699.631 Hormônios Hipofisários .
D06.472.699.631.525 Hormônios Adeno-Hipofisários .
D06.472.699.631.525.343 Gonadotropinas Hipofisárias .
D06.472.699.631.525.343.463 Hormônio Luteinizante .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.548 Hormônios Peptídicos .
D12.644.548.691 Hormônios Hipofisários .
D12.644.548.691.525 Hormônios Adeno-Hipofisários .
D12.644.548.691.525.343 Gonadotropinas Hipofisárias .
D12.644.548.691.525.343.463 Hormônio Luteinizante .
D23 Fatores Biológicos .
D23.767 Pigmentos Biológicos .
D23.767.261 Carotenoides .
D23.767.261.887 Xantofilas .
D23.767.261.887.500 Luteína .
G08 Fenômenos Fisiológicos Reprodutivos e Urinários .
G08.686 Fenômenos Reprodutivos Fisiológicos .
G08.686.784 Reprodução .
G08.686.784.690 Ovulação .
G08.686.784.690.380 Luteólise .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Psychodidae .
Mosquito-Palha .
Lutzomyia .
Moscas-de-Banheiro .
Mosquito-Pólvora .
Sergentomyia .
Phlebotominae .
Psychodinae .
Traças .
Moscas parecidas com mariposas, pequenas e peludas, que são de considerável importância para a saúde pública como vetores de certos organismos patogênicos. Importantes gêneros relacionados a doenças são PHLEBOTOMUS, Lutzomyia e Sergentomyia. .
1.00
8542709
 
Lontras .
Aonyx .
Lontras sem Garras .
Lontras Gigantes .
Lontra .
Lutra .
Pteronura .
Lontras Marinhas .
Enhydra lutris .
Lontras de Rio .
Enhydra .
Carnívoros (da família Mustelidae) que se alimentam de peixe, encontrados nos dois hemisférios da Terra. .
0.51
 
Luteína .
Xantofila encontrada nos principais COMPLEXOS DE PROTEÍNAS CAPTADORES DE LUZ das plantas. A luteína proveniente da dieta se acumula na MACULA LUTEA. .
0.47
101956
 
Lutécio .
Elemento da família dos lantanídeos. Possui o símbolo atômico Lu, número atômico 71 e peso atômico 175. .
0.45
5700
 
Hormônio Luteinizante .
Hormônio Estimulante de Célula Intersticial .
Hormônio Estimulador das Células Intersticiais .
ICSH (Hormônio Estimulante das Células Intersticiais) .
Hormônio Estimulante das Células Intersticiais .
LH (Hormônio Luteinizante) .
Lutropina .
ICSH (Hormônio Estimulante de Célula Intersticial) .
Hormônio Intersticial Célula-Estimulante .
ICHS (Hormônio Intersticial Célula-Estimulante) .
ICHS 12626 .
LH 12626 .
Principal gonadotropina secretada pela ADENO-HIPÓFISE. O hormônio luteinizante regula a produção de esteroides pelas células intersticiais do TESTÍCULO e OVÁRIO. O HORMÔNIO LUTEINIZANTE pré-ovulatório aparece em fêmeas induzindo a OVULAÇÃO e subsequente LUTEINIZAÇÃO do folículo. O HORMÔNIO LUTEINIZANTE consiste em duas subunidades ligadas não covalentemente, uma alfa e outra beta. Dentro de uma espécie, a subunidade alfa é comum nos três hormônios glicoproteicos hipofisários (TSH, LH e FSH), porém a subunidade beta é única e confere sua especificidade biológica. .
0.42
29443901
 
Luteoma .
Luteinoma .
Luteoblastoma .
Luteoma da Gravidez .
Luteoma Gravídico .
Tumor Luteínico .
Neoplasia ovariana composta por CÉLULAS LÚTEAS derivadas das CÉLULAS GRANULOSAS luteinizadas e das CÉLULAS TECAIS. Os luteomas respondem às GONADOTROFINAS e variam em sua produção hormonal (PROGESTERONA, ESTROGÊNIO ou ANDROGÊNIO). Durante a GRAVIDEZ, um tipo transitório de luteoma pode se desenvolver devido a uma LUTEINIZAÇÃO exagerada do OVÁRIO. .
0.42
561
 
Luteolina .
5,7,3',4'-tetra-hidroxi-flavona, uma das FLAVONAS. .
0.41
51296
 
Luteólise .
Regressão Lútea .
Regressão Luteínica .
Regressão do Corpo Lúteo .
Regressão Luteal .
Degradação do CORPO LÚTEO. Na ausência de gravidez e diminuição dos hormônios tróficos, o corpo lúteo sofre luteólise, caracterizada pela involução e término de sua função endócrina. .
0.39
111050