serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

B01 Eucariotos .
B01.050 Animais .
B01.050.150 Cordados .
B01.050.150.900 Vertebrados .
B01.050.150.900.649 Mamíferos .
B01.050.150.900.649.313 Eutérios .
B01.050.150.900.649.313.988 Primatas .
B01.050.150.900.649.313.988.400 Haplorrinos .
B01.050.150.900.649.313.988.400.112 Catarrinos .
B01.050.150.900.649.313.988.400.112.199 Cercopithecidae .
B01.050.150.900.649.313.988.400.112.199.120 Cercopithecinae .
B01.050.150.900.649.313.988.400.112.199.120.120 Cercocebus .
B01.050.150.900.649.313.988.400.112.199.120.120.110 Cercocebus atys .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.044 Anacardiaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.044.416 Mangifera .
B01.650.940.800.575.912.250.350 Euphorbiaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.350.535 Manihot .
B01.650.940.800.575.912.250.456 Gentianales .
B01.650.940.800.575.912.250.456.500 Apocynaceae .
C10 Doenças do Sistema Nervoso .
C10.720 Síndromes Neurotóxicas .
C10.720.475 Intoxicação do Sistema Nervoso por Metais Pesados .
C10.720.475.500 Intoxicação por Manganês .
C25 Distúrbios Induzidos Quimicamente .
C25.723 Envenenamento .
C25.723.522 Intoxicação por Metais Pesados .
C25.723.522.813 Intoxicação por Manganês .
D01 Compostos Inorgânicos .
D01.268 Elementos .
D01.268.556 Metais Pesados .
D01.268.556.484 Manganês .
D01.268.956 Elementos de Transição .
D01.268.956.374 Manganês .
D01.552 Metais .
D01.552.544 Metais Pesados .
D01.552.544.484 Manganês .
G16 Fenômenos Biológicos .
G16.500 Fenômenos Ecológicos e Ambientais .
G16.500.275 Meio Ambiente .
G16.500.275.157 Ecossistema .
G16.500.275.157.812 Zonas Úmidas .
N06 Meio Ambiente e Saúde Pública .
N06.230 Meio Ambiente .
N06.230.124 Ecossistema .
N06.230.124.625 Zonas Úmidas .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.011 Ciência .
SP4.011.097 Química .
SP4.011.097.063 Elementos .
SP4.011.097.063.924 Manganês .
SP4.016 Recursos Hídricos .
SP4.016.132 Água 12871 .
SP4.016.132.553 Águas de Superfície .
SP4.016.132.553.934 Zonas Úmidas .
SP4.026 Esgotos .
SP4.026.292 Tratamento de Águas Residuárias .
SP4.026.292.663 Tratamento Biológico .
SP4.026.292.663.214 Zonas Úmidas .
SP4.046 Saúde do Trabalhador .
SP4.046.452 Medicina do Trabalho .
SP4.046.452.698 Doenças Profissionais .
SP4.046.452.698.919 Intoxicação por Manganês .
SP8 Desastres .
SP8.473 Risco .
SP8.473.654 Ameaças .
SP8.473.654.482 Geografia .
SP8.473.654.482.147 Zonas Úmidas .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Apocynaceae .
Acokanthera .
Apocináceas .
Asclepiadaceae .
Asclepiadáceas .
Carissa .
Carissa carandas .
Ameixeira-de-Porto-Natal .
Cerbera .
Chonemorpha .
Cryptostegia .
Gongronema .
Gomphocarpus .
Hancornia speciosa .
Himatanthus .
Mangabeira .
Mangaba .
Plumeria .
Rhazya .
Caralluma .
Família de plantas da ordem Gentianales. Seus membros possuem folhas de bordas lisas, com suco leitoso, geralmente venenoso, e flores em cachos. .
1.00
49879
 
Mangifera .
Mangueira .
Manga .
Gênero de plantas da família ANACARDIACEAE, mais conhecidas pelas frutas comestíveis. .
0.69
75740
 
Cercocebus .
Lophocebus .
Mangabeys .
Gênero da subfamília CERCOPITHECINAE que habita florestas africanas. São também conhecidos como mangabeys. .
0.67
0132
 
Manganês .
Oligoelemento com símbolo atômico Mn, número atômico 25 e peso atômico 54,94. Está concentrado na mitocôndria celular, principalmente na hipófise, fígado, pâncreas, rim e ossos. Influencia a síntese de mucopolissacarídeos, estimula a síntese de colesterol e ácidos graxos no fígado, além de ser um cofator de muitas enzimas, incluindo as enzimas arginase e fosfatase alcalina hepáticas.(Tradução livre do original: AMA Drug Evaluations Annual 1992, p2035) .
0.57
10121832
 
Intoxicação por Manganês .
Envenenamento por Manganês .
Doenças do Sistema Nervoso Induzidas por Manganês .
Intoxicação do Sistema Nervoso por Manganês .
Manganesismo .
Manganismo .
Síndrome de Neurotoxicidade por Manganês .
Síndrome Neurotóxica por Manganês .
Intoxicação por manganês está associada com inalação crônica de partículas de manganês por indivíduos que trabalham com manganês oral. Os sinais clínicos incluem CONFUSÃO, ALUCINAÇÕES e uma síndrome extrapiramidal (DOENÇA DE PARKINSON SECUNDÁRIA) que inclui rigidez, DISTONIA, retropulsão e TREMOR. .
0.53
31010
 
Manihot .
Manihot esculenta .
Araruta Brasileira .
Aipi 1862 .
Aipim .
Caçava .
Kasaba .
Macaxeira .
Mandioca-Amarga .
Mandioca-Brava .
Mandioca-Doce .
Mandioca-Mansa .
Manihot utilissima .
Mandioca .
Maniva .
Maniveira .
Pão-de-Pobre .
Tapioca .
Uaipi .
Iúca 1862 .
Farinha-de-Tapioca .
Araruta-brasileira .
Gênero de plantas perenes (família EUPHORBIACEAE) com folhas proeminentes e quase a forma de uma mão com dedos estendidos, semelhantes às de RICINUS, porém mais profundamente divididas, de cinco a nove lobos. São fontes de amido após a remoção de glucosídeos cianogênicos. O nome vulgar "Araruta',também é usado para Maranta (MARANTACEAE) e o nome vulgar "iúca" também é usado para YUCCA. .
0.51
1621637
 
Zonas Úmidas .
Biofiltros (Pântanos Construídos) .
Pântanos Artificiais .
Mangues .
Lodaçais .
Lodaçal .
Terra Pantanosa .
Pântanos .
Brejos .
Braço de Rio .
Igarapé .
Marimbu .
Atoleiros .
Pantanal .
Turfeira .
Lamaçal .
Charco .
Alagadiço .
Manguezais .
Restinga .
Marisma Costeiro .
Mangues Salinos .
Esteros .
Marisma .
Esteiros .
Orla Marítima .
Manguezal .
Mangue .
Biofiltros [Pântanos construído] .
1) Ambientes ou habitats na interface entre ecossistemas verdadeiramente terrestres e sistemas verdadeiramente aquáticos tornando-os diferentes de cada um deles mas altamente dependentes de ambos. Adaptações a baixo [nível de] oxigênio do solo caracterizam muitas das espécies de zonas úmidas. 2) Pântanos: Área com cobertura vegetal que se encontra inundada ou saturada por água superficial ou subterrânea durante uma parte significativa do ano. A vegetação é adaptada para viver nas condições de solo saturada (Tradução livre do original: USGS 1048). 3) Manguezais: Floresta ou associação vegetal halófila em que predomina esse tipo de árvore e que se pode formar junto a praias, à foz de rios, ou na margem lamacenta de portos, rios, lagoas etc. (Fonte: Dicionário Houaiss da língua portuguesa). 4) Marisma: Terreno à beira de mar ou rio baixo e pantanoso que se inunda pela ação das marés (Fonte: Material IV - Glossário de Proteção Civil, OPAS, 1992). 5) Orla Marítima: Terra costeira baixa, parcialmente sob a água do mar, ao menos nas marés cheias, e que possui características ecológicas especiais. .
0.51
1595406
 
Cercocebus atys .
Mangabey Fuliginoso .
Espécie de macacos do Velho Mundo do gênero CERCOCEBUS que é importante na pesquisa sobre AIDS. Podem ser naturalmente ou experimentalmente infectados com o VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA SÍMIA. Habitam florestas africanas que vão desde a Serra Leoa à República do Congo. .
0.49
1229