serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

A09 Órgãos dos Sentidos .
A09.371 Olho 3998 .
A09.371.060 Segmento Anterior do Olho .
A09.371.060.500 Cristalino .
B01 Eucariotos .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.100 Asteraceae .
B01.650.940.800.575.912.250.100.206 Chrysanthemum .
B01.650.940.800.575.912.250.198 Caryophyllanae .
B01.650.940.800.575.912.250.198.500 Caryophyllales .
B01.650.940.800.575.912.250.198.500.100 Amaranthaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.198.500.100.333 Celosia .
B01.650.940.800.575.912.250.350 Euphorbiaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.350.038 Acalypha .
B01.650.940.800.575.912.250.350.333 Euphorbia .
B01.650.940.800.575.912.250.905 Solanaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.905.188 Datura .
D02 Compostos Orgânicos .
D02.455 Hidrocarbonetos .
D02.455.426 Hidrocarbonetos Cíclicos .
D02.455.426.559 Hidrocarbonetos Aromáticos .
D02.455.426.559.847 Hidrocarbonetos Aromáticos Policíclicos .
D02.455.426.559.847.723 Fenantrenos .
D02.455.426.559.847.723.180 Crisenos .
D04 Compostos Policíclicos .
D04.615 Hidrocarbonetos Aromáticos Policíclicos .
D04.615.723 Fenantrenos .
D04.615.723.180 Crisenos .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.776 Proteínas .
D12.776.306 Proteínas do Olho .
D12.776.306.366 Cristalinas .
E04 Procedimentos Cirúrgicos Operatórios .
E04.545 Procedimentos Cirúrgicos Bucais .
E04.545.550 Procedimentos Cirúrgicos Pré-Protéticos Bucais .
E04.545.550.100 Aumento do Rebordo Alveolar .
E06 Odontologia .
E06.645 Procedimentos Cirúrgicos Bucais .
E06.645.550 Procedimentos Cirúrgicos Pré-Protéticos Bucais .
E06.645.550.100 Aumento do Rebordo Alveolar .
G02 Fenômenos Químicos .
G02.111 Fenômenos Bioquímicos .
G02.111.570 Estrutura Molecular .
G02.111.570.080 Sequência de Bases .
G02.111.570.080.708 Sequências Repetitivas de Ácido Nucleico .
G02.111.570.080.708.800 Sequências de Repetição em Tandem .
G02.111.570.080.708.800.325 Sequências Repetidas Invertidas .
G02.111.570.080.708.800.325.500 Repetições Palindrômicas Curtas Agrupadas e Regularmente Espaçadas .
G05 Fenômenos Genéticos .
G05.360 Estruturas Genéticas .
G05.360.080 Sequência de Bases .
G05.360.080.708 Sequências Repetitivas de Ácido Nucleico .
G05.360.080.708.800 Sequências de Repetição em Tandem .
G05.360.080.708.800.325 Sequências Repetidas Invertidas .
G05.360.080.708.800.325.500 Repetições Palindrômicas Curtas Agrupadas e Regularmente Espaçadas .
G05.360.340 Genoma .
G05.360.340.024 Componentes Genômicos .
G05.360.340.024.850 Sequências de Repetição em Tandem .
G05.360.340.024.850.069 Repetições Palindrômicas Curtas Agrupadas e Regularmente Espaçadas .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Datura .
Manto-de-Cristo .
Anágua-de-Vênus .
Erva-do-Juízo-Final .
Erva-Trombeta .
Saia-Branca .
Trombeta .
Trombeta-Roxa .
Trombetão-Azul .
Trombetão-Roxo .
Trombeteira .
Trombeteira-Roxa .
Zabumba-Roxa .
Gênero de plantas (família SOLANACEAE) cujos membros contêm TROPANOS. O nome vulgar da flor 'trombeta' (trumpet flower) às vezes também é usado para o GELSEMIUM. .
1.00
 
Euphorbia .
Avelós .
Asa-de-Papagaio .
Bico-de-Papagaio .
Chamaesyce hirta .
Cipó-de-Breu .
Coroa-de-Cristo .
Esula .
Euphorbia esula .
Euphorbia hirta .
Euphorbia milii .
Euphorbia phosphorea .
Euphorbia pulcherrima .
Euphorbia splendens .
Folha-de-Sangue .
Flor-de-Papagaio .
Parece-mas-não-é .
Poinsettia .
Eufórbia .
Eufórbio .
Tartago .
Gênero amplo de plantas (família EUPHORBIACEAE, ordem Euphorbiales, subclasse Rosidae) cuja seiva é leitosa e a flor feminina composta por um único pistilo, circundada por inumeras flores masculinas, cada uma com um estame. A "Euphorbia hirta", raramente é chamada 'Erva-Leiteira', porém este nome, normalmente é usado para as ASCLEPIAS. .
0.57
 
Celosia .
Crista-de-Galo .
Cristada .
Beijo-de-Palmas .
Bredo-de-Namorado .
Flor-dos-Amores .
Galacrista .
Galiscrita .
Galocrista .
Martinete .
Veludilho .
Veludo .
Gênero de plantas da família AMARANTHACEAE. Suas folhas jovens são utilizadas como alimento na Ásia. Os membros possuem betacianinas, celogentinas, betaxantinas e celosianos. .
0.56
050
 
Aumento do Rebordo Alveolar .
Aumento da Crista Alveolar .
Aumento do Rebordo Mandibular .
Aumento da Crista Mandibular .
Aumento do Rebordo Maxilar .
Aumento da Crista Maxilar .
Cirurgia pré-protética que envolve costela, cartilagem ou enxerto ósseo da crosta ilíaca, geralmente autóloga, ou implantes sintéticos para reconstruir o sulco alveolar. .
0.54
1623610
 
Cristalino .
Cristalino do Olho .
Lente do Olho .
Lente (Cristalino) .
Lente Ocular .
Lente Cristalina .
Estrutura transparente e biconvexa do OLHO. Encontra-se dentro de uma cápsula, atrás da ÍRIS e à frente do humor vítreo (CORPO VÍTREO). Está levemente superposta na margem pelos processos ciliares. A adaptação do CORPO CILIAR é crucial para a ACOMODAÇÃO OCULAR. .
0.51
10819295
 
Cristalinas .
Proteínas do Cristalino .
Família heterogênea de proteínas estruturais solúveis em água encontradas em células de cristalinos de vertebrados. A presença dessas proteínas confere transparência aos cristalinos. A família é composta de quatro grupos principais, alfa, beta, gama, e delta, e diversos grupos secundários, os quais são classificados de acordo com o tamanho, carga, propriedades imunológicas e espécie de vertebrado. As cristalinas alfa, beta e delta ocorrem em cristalinos de aves e répteis, e cristalinas alfa, beta e gama ocorrem nos cristalinos das demais espécies. .
0.50
85014
 
Acalypha .
Acalifa .
Acalypha alnifolia .
Acalypha densiflora .
Acalypha sanderi .
Acalypha sanderiana .
Acalypha hispida .
Acalypha manniana .
Acalypha wilkesiana .
Acalifa-Macarrão .
Crista-de-Peru .
Rabo-de-Gato .
Rabo-de-Gato-Vermelho .
Rabo-de-Macaco .
Ricinocarpus hispidus .
Plantas semelhantes a urtigas da subfamília Acalyphoidae. Acalypha é o maior gênero da família Euphorbiaceae. .
0.50
 
Repetições Palindrômicas Curtas Agrupadas e Regularmente Espaçadas .
Agrupamentos Regularmente Interespaçados de Repetições Palindrômicas Curtas .
Arranjos de CRISPR .
CRISPR .
CRISPRs .
Elementos CRISPR .
Espaçadores CRISPR .
Loci CRISPR .
Loci CRISPR-Cas .
Loci de CRISPR .
Locos CRISPR .
Locus CRISPR .
Locus de CRISPR .
Repetição Palindrômica Curta Agrupada e Regularmente Espaçada .
Repetição Palindrômica Curta Agrupada e Regularmente Interespaçada .
Repetições Palindrômicas Curtas Agrupadas de Espaçamentos Regulares .
Repetições Palindrômicas Curtas Agrupadas e Regularmente Interespaçadas .
Sequências CRISPR .
Sequências Espaçadoras CRISPR .
Sequências de ácidos nucleicos repetitivas que são componentes principais dos SISTEMAS CRISPR-CAS arqueano e bacteriano, que funcionam como sistemas de defesa antiviral. .
0.49
71415
 
Chrysanthemum .
Malmequer .
Malmequer-Amarelo .
Crisântemo .
Mal-Me-Quer .
Mal-Me-Quer-Amarelo .
Gênero de plantas (família ASTERACEAE) cujo nome popular margarida é facilmente confundido com o de outras plantas. Algumas espécies deste gênero foram reclassificadas para TANACETUM. .
0.49
8646
 
Crisenos .
1,2-Benzofenantrenos. COMPOSTOS POLICÍCLICOS obtidos do alcatrão. .
0.47
1590