serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

B01 Eucariotos .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.859 Rosanae .
B01.650.940.800.575.912.250.859.937 Rosales .
B01.650.940.800.575.912.250.859.937.500 Rosaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.859.937.500.222 Eriobotrya .
C04 Neoplasias .
C04.557 Neoplasias por Tipo Histológico .
C04.557.450 Neoplasias de Tecido Conjuntivo e de Tecidos Moles .
C04.557.450.590 Neoplasias de Tecido Muscular .
C04.557.450.590.540 Mioma .
C10 Doenças do Sistema Nervoso .
C10.597 Manifestações Neurológicas .
C10.597.690 Distúrbios Pupilares .
C10.597.690.362 Miose .
C11 Oftalmopatias .
C11.710 Distúrbios Pupilares .
C11.710.528 Miose .
C23 Condições Patológicas, Sinais e Sintomas .
C23.888 Sinais e Sintomas .
C23.888.592 Manifestações Neurológicas .
C23.888.592.708 Distúrbios Pupilares .
C23.888.592.708.362 Miose .
D05 Substâncias Macromoleculares .
D05.750 Polímeros .
D05.750.078 Biopolímeros .
D05.750.078.593 Proteínas de Filamentos Intermediários .
D05.750.078.593.540 Nestina .
D05.750.078.730 Proteínas dos Microfilamentos .
D05.750.078.730.475 Miosinas .
D08 Enzimas e Coenzimas .
D08.811 Enzimas .
D08.811.277 Hidrolases .
D08.811.277.040 Hidrolases Anidrido Ácido .
D08.811.277.040.025 Adenosina Trifosfatases .
D08.811.277.040.025.193 Proteínas Motores Moleculares .
D08.811.277.040.025.193.750 Miosinas .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.776 Proteínas .
D12.776.210 Proteínas Contráteis .
D12.776.210.500 Proteínas Musculares .
D12.776.210.500.570 Fatores de Regulação Miogênica .
D12.776.210.500.570.600 Miogenina .
D12.776.210.500.588 Mioglobina .
D12.776.210.500.600 Miosinas .
D12.776.220 Proteínas do Citoesqueleto .
D12.776.220.475 Proteínas de Filamentos Intermediários .
D12.776.220.475.540 Nestina .
D12.776.220.525 Proteínas dos Microfilamentos .
D12.776.220.525.475 Miosinas .
D12.776.260 Proteínas de Ligação a DNA .
D12.776.260.103 Fatores de Transcrição Hélice-Alça-Hélice Básicos .
D12.776.260.103.750 Fatores de Regulação Miogênica .
D12.776.260.103.750.600 Miogenina .
D12.776.422 Hemeproteínas .
D12.776.422.316 Globinas .
D12.776.422.316.940 Mioglobina .
D12.776.631 Proteínas do Tecido Nervoso .
D12.776.631.607 Nestina .
D12.776.930 Fatores de Transcrição .
D12.776.930.125 Fatores de Transcrição Hélice-Alça-Hélice Básicos .
D12.776.930.125.750 Fatores de Regulação Miogênica .
D12.776.930.125.750.600 Miogenina .
E01 Diagnóstico .
E01.370 Técnicas e Procedimentos Diagnósticos .
E01.370.530 Miografia .
G07 Fenômenos Fisiológicos .
G07.345 Crescimento e Desenvolvimento .
G07.345.500 Morfogênese .
G07.345.500.325 Desenvolvimento Embrionário e Fetal .
G07.345.500.325.377 Organogênese .
G07.345.500.325.377.625 Desenvolvimento Musculoesquelético .
G07.345.500.325.377.625.590 Desenvolvimento Muscular .
G11 Fenômenos Fisiológicos Musculoesqueléticos e Neurais .
G11.427 Fenômenos Fisiológicos Musculoesqueléticos .
G11.427.578 Desenvolvimento Musculoesquelético .
G11.427.578.590 Desenvolvimento Muscular .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Desenvolvimento Muscular .
Desenvolvimento de Músculos .
Miofibrilogênese .
Miogênese .
Miogênses .
Eventos do desenvolvimento que levam à formação do sistema muscular adulto, incluindo a diferenciação de vários tipos de células musculares precursoras, migração de mioblastos, ativação da miogênese e desenvolvimento da fixação do músculo. .
0.65
608064
 
Miogenina .
Fator regulador miogênico que controla a miogênese. A miogenina é induzida durante a diferenciação de cada célula muscular esquelética que já foi estudada, em contraste a outros fatores que somente aparecem em certos tipos celulares. .
0.52
31393
 
Nestina .
Proteína do filamento intermediário tipo VI expressa principalmente em células nervosas em que está associada com a sobrevivência, renovação e proliferação das células progenitoras estimulada por mitógeno. .
0.51
22651
 
Miose .
Miose Pupilar .
Constrição pupilar. Pode resultar da ausência congênita do músculo pupilar dilatador, enervação simpática deficiente ou irritação da CONJUNTIVA ou CÓRNEA. .
0.50
15402
 
Miografia .
O registro de movimentos musculares pelo miógrafo e o miograma é o resultado do traçado. (Stedman, 25a ed) .
0.48
51176
 
Mioma .
Neoplasia benigna do tecido muscular. (Stedman, 25a ed) .
0.48
133676
 
Eriobotrya .
Ameixa-Amarela .
Ameixa-Americana .
Ameixa-do-Canadá .
Ameixa-Japonesa .
Ameixa-do-Japão .
Ameixas-Amarelas .
Nespereira .
Nêsperas .
Gênero de plantas (família ROSACEAE) fonte de frutas comestíveis. Seus membros contêm TRITERPENOS. .
0.47
2169
 
Mioglobina .
Proteína conjugada que é o pigmento transportador de oxigênio do músculo. É formado de uma cadeia polipeptídica de globina e um grupo heme. .
0.46
429620
 
Miosinas .
Miosina ATPase .
Miosina .
ADENOSINATRIFOSFATASE DA ACTOMIOSINA .
ADENOSINATRIFOSTATASE DA MIOSINA .
ACTOMIOSINA ATPASE .
ISOENZIMAS DA MIOSINA .
ISOZIMAS DA MIOSINA .
Superfamília diversificada de proteínas que atuam como proteínas de translocação. Compartilham a característica comum de serem capazes de se ligar a ACTINAS e hidrolisar o MgATP. Geralmente, as miosinas consistem em cadeias pesadas envolvidas na locomoção e cadeias leves envolvidas na regulação. Há três domínios inseridos na estrutura na cadeia pesada da miosina: cabeça, pescoço e cauda. A região da cabeça da cadeia pesada contém o domínio de ligação à actina e o domínio MgATPase, que provê energia para locomoção. A região do pescoço está envolvida na união das cadeias leves. A região da cauda possui o ponto de ancoragem que retém a posição da cadeia pesada. A superfamília das miosinas é organizada em classes estruturais baseadas no tipo e arranjo das subunidades que elas contêm. .
0.46
3916452