serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

C04 Neoplasias .
C04.557 Neoplasias por Tipo Histológico .
C04.557.450 Neoplasias de Tecido Conjuntivo e de Tecidos Moles .
C04.557.450.590 Neoplasias de Tecido Muscular .
C04.557.450.590.540 Mioma .
C04.557.450.590.550 Miossarcoma .
C04.557.450.795 Sarcoma .
C04.557.450.795.550 Miossarcoma .
C05 Doenças Musculoesqueléticas .
C05.651 Doenças Musculares .
C05.651.594 Miosite .
C10 Doenças do Sistema Nervoso .
C10.597 Manifestações Neurológicas .
C10.597.690 Distúrbios Pupilares .
C10.597.690.362 Miose .
C10.668 Doenças Neuromusculares .
C10.668.491 Doenças Musculares .
C10.668.491.562 Miosite .
C11 Oftalmopatias .
C11.710 Distúrbios Pupilares .
C11.710.528 Miose .
C11.744 Erros de Refração .
C11.744.636 Miopia .
C23 Condições Patológicas, Sinais e Sintomas .
C23.888 Sinais e Sintomas .
C23.888.592 Manifestações Neurológicas .
C23.888.592.708 Distúrbios Pupilares .
C23.888.592.708.362 Miose .
D05 Substâncias Macromoleculares .
D05.750 Polímeros .
D05.750.078 Biopolímeros .
D05.750.078.730 Proteínas dos Microfilamentos .
D05.750.078.730.475 Miosinas .
D08 Enzimas e Coenzimas .
D08.811 Enzimas .
D08.811.277 Hidrolases .
D08.811.277.040 Hidrolases Anidrido Ácido .
D08.811.277.040.025 Adenosina Trifosfatases .
D08.811.277.040.025.193 Proteínas Motores Moleculares .
D08.811.277.040.025.193.750 Miosinas .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.276 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D12.644.276.954 Proteínas da Superfamília de TGF-beta .
D12.644.276.954.300 Fatores de Diferenciação de Crescimento .
D12.644.276.954.300.925 Miostatina .
D12.776 Proteínas .
D12.776.210 Proteínas Contráteis .
D12.776.210.500 Proteínas Musculares .
D12.776.210.500.600 Miosinas .
D12.776.220 Proteínas do Citoesqueleto .
D12.776.220.525 Proteínas dos Microfilamentos .
D12.776.220.525.475 Miosinas .
D12.776.467 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D12.776.467.942 Proteínas da Superfamília de TGF-beta .
D12.776.467.942.300 Fatores de Diferenciação de Crescimento .
D12.776.467.942.300.925 Miostatina .
D23 Fatores Biológicos .
D23.529 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D23.529.942 Proteínas da Superfamília de TGF-beta .
D23.529.942.300 Fatores de Diferenciação de Crescimento .
D23.529.942.300.925 Miostatina .
D27 Ações Químicas e Utilizações .
D27.505 Ações Farmacológicas .
D27.505.696 Efeitos Fisiológicos de Drogas .
D27.505.696.663 Fármacos do Sistema Nervoso Periférico .
D27.505.696.663.050 Fármacos do Sistema Nervoso Autônomo .
D27.505.696.663.050.495 Mióticos .
HP4 Materia Medica .
HP4.018 Medicamento Homeopático .
HP4.018.499 Medicamento Homeopático M .
HP4.018.499.801 Myosotis arvensis .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Miose .
Miose Pupilar .
Constrição pupilar. Pode resultar da ausência congênita do músculo pupilar dilatador, enervação simpática deficiente ou irritação da CONJUNTIVA ou CÓRNEA. .
1.00
 
Miosinas .
Miosina ATPase .
Miosina .
ADENOSINATRIFOSFATASE DA ACTOMIOSINA .
ADENOSINATRIFOSTATASE DA MIOSINA .
ACTOMIOSINA ATPASE .
ISOENZIMAS DA MIOSINA .
ISOZIMAS DA MIOSINA .
Superfamília diversificada de proteínas que atuam como proteínas de translocação. Compartilham a característica comum de serem capazes de se ligar a ACTINAS e hidrolisar o MgATP. Geralmente, as miosinas consistem em cadeias pesadas envolvidas na locomoção e cadeias leves envolvidas na regulação. Há três domínios inseridos na estrutura na cadeia pesada da miosina: cabeça, pescoço e cauda. A região da cabeça da cadeia pesada contém o domínio de ligação à actina e o domínio MgATPase, que provê energia para locomoção. A região do pescoço está envolvida na união das cadeias leves. A região da cauda possui o ponto de ancoragem que retém a posição da cadeia pesada. A superfamília das miosinas é organizada em classes estruturais baseadas no tipo e arranjo das subunidades que elas contêm. .
0.80
 
Miosite .
Miopatia Inflamatória .
Miosite Focal .
Miosite Infecciosa .
Inflamação de um músculo ou tecido muscular. .
0.76
 
Mioma .
Neoplasia benigna do tecido muscular. (Stedman, 25a ed) .
0.72
 
Miostatina .
Fator 8 de Diferenciação de Crescimento .
Fator de Diferenciação de Crescimento 8 .
Fator de Crescimento de Diferenciação 8 .
Fator de Crescimento-Diferenciação 8 .
Fator 8 de Crescimento de Diferenciação .
GDF-8 .
Fator de Crescimento/Diferenciação 8 .
Fator de diferenciação de crescimento que é um inibidor potente do crescimento de MÚSCULO ESQUELÉTICO. Pode ter papel na regulação da MIOGÊNESE e na manutenção do músculo durante a vida adulta. .
0.71
 
Myosotis arvensis .
Miosótis .
Medicamento homeopático. Miosotis. Abrev.: "myos-a.". Origem vegetal. Habitat original: Europa, Ásia e América do Norte. Parte utilizada: planta inteira. Nota: E.P.- Há estudo patogenético para esta substância. .
0.69
 
Miopia .
Erro de refração no qual os raios luminosos que entram (no OLHO) paralelos ao eixo óptico são enfocados a frente da RETINA quando a ACOMODAÇÃO OCULAR está relaxada. Isto é consequência de uma CÓRNEA extremamente curvada ou de um globo ocular muito longo de frente para trás. É também denominada visão curta (nearsightedness). .
0.66
 
Mióticos .
Efeito Miótico .
Agentes que causam contração da pupila do olho. Algumas fontes usam o termo mióticos somente para os parassimpaticomiméticos, mas qualquer droga usada para induzir miose se inclui aqui. .
0.65
 
Miossarcoma .
Denominação genérica para uma neoplasia maligna derivada do tecido muscular. (Stedman, 25a ed) .
0.63