serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

B01 Eucariotos .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.456 Gentianales .
B01.650.940.800.575.912.250.456.937 Rubiaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.456.937.250 Cinchona .
D05 Substâncias Macromoleculares .
D05.750 Polímeros .
D05.750.078 Biopolímeros .
D05.750.078.730 Proteínas dos Microfilamentos .
D05.750.078.730.475 Miosinas .
D08 Enzimas e Coenzimas .
D08.811 Enzimas .
D08.811.277 Hidrolases .
D08.811.277.040 Hidrolases Anidrido Ácido .
D08.811.277.040.025 Adenosina Trifosfatases .
D08.811.277.040.025.193 Proteínas Motores Moleculares .
D08.811.277.040.025.193.750 Miosinas .
D08.811.913 Transferases .
D08.811.913.696 Fosfotransferases .
D08.811.913.696.620 Fosfotransferases (Aceptor do Grupo Álcool) .
D08.811.913.696.620.682 Proteínas Quinases .
D08.811.913.696.620.682.700 Proteínas Serina-Treonina Quinases .
D08.811.913.696.620.682.700.125 Proteínas Quinases Dependentes de Cálcio-Calmodulina .
D08.811.913.696.620.682.700.125.500 Quinase de Cadeia Leve de Miosina .
D08.811.913.696.620.682.700.559 MAP Quinase Quinase Quinases .
D08.811.913.696.620.682.700.576 Miotonina Proteína Quinase .
D08.811.913.696.650 Fosfotransferases (Aceptor do Grupo Fosfato) .
D08.811.913.696.650.025 Adenilato Quinase .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.360 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular .
D12.644.360.100 Proteínas Quinases Dependentes de Cálcio-Calmodulina .
D12.644.360.100.500 Quinase de Cadeia Leve de Miosina .
D12.644.360.400 MAP Quinase Quinase Quinases .
D12.776 Proteínas .
D12.776.210 Proteínas Contráteis .
D12.776.210.500 Proteínas Musculares .
D12.776.210.500.600 Miosinas .
D12.776.220 Proteínas do Citoesqueleto .
D12.776.220.525 Proteínas dos Microfilamentos .
D12.776.220.525.475 Miosinas .
D12.776.476 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular .
D12.776.476.100 Proteínas Quinases Dependentes de Cálcio-Calmodulina .
D12.776.476.100.500 Quinase de Cadeia Leve de Miosina .
D12.776.476.400 MAP Quinase Quinase Quinases .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Quinase de Cadeia Leve de Miosina .
Miosina Quinase .
Quinase da Miosina de Cadeia Leve .
Enzima que fosforila as cadeias leves da miosina na presença de ATP originando fosfato de miosina de cadeia leve e ADP, e requer cálcio e calmodulina. A cadeia leve de 20-kD é fosforilada mais rapidamente do que qualquer outro aceptor, mas as cadeias leves de outras miosinas e da própria miosina podem agir como aceptores. A enzima exerce um papel central na regulação da contração da musculatura lisa. .
1.00
 
Miosinas .
Miosina ATPase .
Miosina .
ADENOSINATRIFOSFATASE DA ACTOMIOSINA .
ADENOSINATRIFOSTATASE DA MIOSINA .
ACTOMIOSINA ATPASE .
ISOENZIMAS DA MIOSINA .
ISOZIMAS DA MIOSINA .
Superfamília diversificada de proteínas que atuam como proteínas de translocação. Compartilham a característica comum de serem capazes de se ligar a ACTINAS e hidrolisar o MgATP. Geralmente, as miosinas consistem em cadeias pesadas envolvidas na locomoção e cadeias leves envolvidas na regulação. Há três domínios inseridos na estrutura na cadeia pesada da miosina: cabeça, pescoço e cauda. A região da cabeça da cadeia pesada contém o domínio de ligação à actina e o domínio MgATPase, que provê energia para locomoção. A região do pescoço está envolvida na união das cadeias leves. A região da cauda possui o ponto de ancoragem que retém a posição da cadeia pesada. A superfamília das miosinas é organizada em classes estruturais baseadas no tipo e arranjo das subunidades que elas contêm. .
0.76
 
Adenilato Quinase .
Mioquinase .
Enzima que catalisa a fosforilação do AMP a ADP na presença de ATP ou trifosfato inorgânico. EC 2.7.4.3. .
0.65
 
Miotonina Proteína Quinase .
Proteína serina-treonina quinase responsável por várias funções do MÚSCULO ESQUELÉTICO, atividade do SISTEMA DE CONDUÇÃO CARDÍACO, HOMEOSTASE do cálcio, captação do cálcio pelo RETÍCULO SARCOPLASMÁTICO e plasticidade sináptica. É codificada pelo gene DMPK e sua EXPANSÃO DAS REPETIÇÕES DE TRINUCLEOTÍDEOS anormal de CTG nas REGIÕES 3' NÃO TRADUZIDAS está associada com a DISTROFIA MIOTÔNICA 1. .
0.63
 
Fosfotransferases .
Transfosforilases .
ATP Fosfotransferases .
Quinases .
Cinases .
Grupo um tanto grande de enzimas, compreendendo não apenas aquelas que transferem fosfato, mas também difosfato, resíduos de nucleotídeos e outros. Também têm sido subdivididas de acordo com o grupo aceptor. EC 2.7. .
0.62
 
MAP Quinase Quinase Quinases .
MAPK-ERK Quinase Quinases .
MAPKKKs .
MEK Quinases .
MEKKs .
Proteínas quinase quinase quinases ativadas por mitógeno (MAPKKKs) são proteínas serina/treonina quinases que iniciam as cascatas de sinal da proteína quinase. Fosforilam as PROTEÍNAS QUINASE QUINASES ATIVADAS POR MITÓGENO (MAPKKs) que, por sua vez, fosforilam as PROTEÍNAS QUINASES ATIVADAS POR MITÓGENOS (MAPKs). .
0.60
 
Cinchona .
Casca Tanífera do Peru .
Quina .
Quina-do-Amazonas .
Gênero de árvores rubiáceas da América do Sul que produzem os tóxicos ALCALOIDES DE CINCHONA (suas cascas), QUININA, QUINIDINA, cinchonina, cinchonidina e outros que são utilizados para tratar MALÁRIA e ARRITMIAS CARDÍACAS. .
0.60