serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D02 Compostos Orgânicos .
D02.886 Compostos de Enxofre .
D02.886.778 Tiofenos .
D02.886.778.634 Pirantel .
D03 Compostos Heterocíclicos .
D03.383 Compostos Heterocíclicos com 1 Anel .
D03.383.129 Azóis .
D03.383.129.539 Pirazóis .
D03.383.129.539.850 Pirazolonas .
D03.383.663 Piranos .
D03.383.679 Pirazinas .
D03.383.742 Pirimidinas .
D03.383.742.634 Pirantel .
D03.383.903 Tiofenos .
D03.383.903.634 Pirantel .
D27 Ações Químicas e Utilizações .
D27.505 Ações Farmacológicas .
D27.505.519 Mecanismos Moleculares de Ação Farmacológica .
D27.505.519.625 Neurotransmissores .
D27.505.519.625.120 Colinérgicos .
D27.505.696 Efeitos Fisiológicos de Drogas .
D27.505.696.577 Neurotransmissores .
D27.505.696.577.120 Colinérgicos .
HP4 Materia Medica .
HP4.018 Medicamento Homeopático .
HP4.018.592 Medicamento Homeopático P .
HP4.018.592.869 Pyrarara .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Pirazinas .
Pirazínico .
Pirazínicos .
Compostos orgânicos heterocícliocs aromáticos com a fórmula C4H4N2. .
0.63
209806
 
Pirazóis .
Pirazol .
Azóis com dois nitrogênios nas posições 1,2 (um vizinho do outro), diferente dos IMIDAZÓIS, em que os nitrogênios estão nas posições 1,3. .
0.56
5223421
 
Pyrarara .
Pirara .
Medicamento homeopático. Pyrara. Peixe da Amazônia. Abrev.: "pyrar.". Origem animal. .
0.52
00
 
Colinérgicos .
Agentes Colinérgicos .
Agentes Nicotínicos .
Agentes de Acetilcolina .
Agentes Muscarínicos .
Acetilcolínicos .
Colinomiméticos .
Muscarínicos .
Nicotínicos .
Efeito Colinérgico .
Colimiméticos .
Qualquer fármaco usado por suas ações em sistemas colinérgicos. Encontram-se neste grupo agonistas e antagonistas, fármacos que afetam o ciclo da ACETILCOLINA, e aqueles que afetam a sobrevivência dos neurônios colinérgicos. O termo "fármacos colinérgicos" às vezes é usado no sentido mais restrito de AGONISTAS MUSCARÍNICOS, mas os textos modernos desencorajam este uso. .
0.51
281867
 
Piranos .
0.51
85446
 
Pirantel .
Agente bloqueador neuromuscular despolarizante, que causa ativação nicotínica persistente, resultando na paralisia espástica de nematódeos suscetíveis. É uma droga de segunda escolha, depois dos benzimidazóis, para o tratamento da ascaridíase e infecções com tênia e lombriga, sendo eficaz após uma única dose. .
0.49
11326
 
Pirazolonas .
Compostos com anel heterocíclico de cinco membros, com dois nitrogênios e um ceto OXIGÊNIO. Alguns são inibidores da produção de TNF-alfa. .
0.49
0491