serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

B01 Eucariotos .
B01.050 Animais .
B01.050.500 Invertebrados .
B01.050.500.644 Moluscos .
B01.050.500.644.080 Bivalves .
B01.050.500.644.080.537 Mytilidae .
B01.050.500.644.080.537.600 Perna (Organismo) .
G16 Fenômenos Biológicos .
H01 Disciplinas das Ciências Naturais .
H01.158 Disciplinas das Ciências Biológicas .
H01.158.344 Biofísica .
H01.158.344.528 Eletrofisiologia .
H01.158.782 Fisiologia .
H01.158.782.236 Eletrofisiologia .
HP3 Terapêutica Homeopática .
HP3.106 Condutas Terapêuticas .
HP3.106.566 Pluralismo (Homeopatia) .
HP3.106.566.238 Organicismo .
N03 Economia e Organizações de Saúde .
N03.540 Organizações .
N03.540.514 Agências Internacionais .
SH1 Gestão de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde .
SH1.010 Políticas e Cooperação em Ciência, Tecnologia e Inovação .
SH1.010.020 Cooperação Internacional .
SH1.010.020.020 Agências Internacionais .
SP1 Políticas, Planejamento e Administração em Saúde .
SP1.021 Organizações .
SP1.021.137 Agências Internacionais .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.011 Ciência .
SP4.011.072 Ciências Ambientais .
SP4.011.072.578 Ecologia .
SP4.011.072.578.999 Biota .
SP4.011.072.578.999.635 Fauna .
SP4.011.072.578.999.635.116 Fauna Bentônica .
SP4.011.102 Biologia .
SP4.011.102.148 Fenômenos Biológicos .
SP4.011.127 Ciências Sociais .
SP4.011.127.423 Cooperação Técnica .
SP4.011.127.423.729 Agências Internacionais .
SP4.016 Recursos Hídricos .
SP4.016.157 Hidrobiologia .
SP4.016.157.723 Fauna Bentônica .
SP4.016.157.768 Microrganismos Aquáticos .
SP4.016.157.780 Organismo Estenoalino .
SP9 Direito Sanitário .
SP9.050 Direito Internacional .
SP9.050.010 Agências Internacionais .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Fenômenos Biológicos .
Processo Biológico .
Processos Biológicos .
Fenômenos Biológicos, Fenômenos Celulares e Imunidade .
Processos, propriedades e características biológicas do organismo inteiro nos humanos, em animais, micro-organismos e plantas, e da biosfera. .
0.89
75375
 
Organicismo .
Prescrição de medicamentos homeopáticos baseados no tropismo medicamentoso. .
0.37
10
 
Microrganismos Aquáticos .
Micro-Organismos Aquáticos .
Microorganismos Aquáticos .
0.36
270
 
Perna (Organismo) .
Marisco (Mexilhão) .
Marisco Preto .
Marisco-das-Pedras .
Ostra-de-Pobre .
Perna perna .
Perna (Gênero de Mexilhão) .
Marisco (Mexilhão .
Marisco .
Gênero de mexilhão de água doce (família MYTILIDAE, classe BIVALVIA) encontrado em águas costeiras tropicais e temperadas mornas. Muitas espécies possuem verde nas conchas. .
0.36
169228
 
Agências Internacionais .
Organismos Internacionais .
Conselho de População .
OIRSA .
Organização Internacional Regional de Agropecuária Sanitária .
IPPF 11584 .
Agência Internacional de Energia Atômica .
AIEA 11584 .
Organizações internacionais que cooperam técnica e/ou financeiramente no campo da saúde ou em outros campos, com finalidade de desenvolver políticas, programas e/ou projetos nos âmbitos federal, estadual ou municipal. .
0.35
1807580
 
Eletrofisiologia .
Estudo do comportamento e da geração de cargas elétricas nos organismos vivos, particularmente no sistema nervoso, e dos efeitos da eletricidade nos organismos vivos. .
0.35
66074424
 
Organismo Estenoalino .
Organismo Estenossalino .
Organismos Estenoalinos .
Organismos Estenossalinos .
Faixa estreita de valores de salinidade. Termo frequentemente utilizado para se referir a organismos aquáticos sensíveis a pequenas mudanças de salinidade. (Tradução livre do original: Material IV - Glosario de Protección Civil, OPS, 1992) .
0.34
00
 
Fauna Bentônica .
Bentos .
Fauna Bêntica .
Endobentos .
Epibentos .
Macrobentos .
Microbentos .
Nectobentos .
Organismos Bentônicos .
Organismos Bênticos .
Zoobentos .
Todos os organismos que vivem no fundo [do mar]. Inclui os que vivem na superfície do assoalho oceânico (epibentos) ou bem enterrados no sedimento (endobentos). Podem ser vegetais (fitobentos) ou animais (zoobentos); macroscópicos (megalobentos, macrobentos), de tamanho médio (meiobentos) ou microscópicos (microbentos). O bentos é particularmente importante nas produtivas águas costeiras, onde o fitobentos recebe luz suficiente para desenvolver-se e alimentar densas populações de zoobentos. (Tradução livre do original: http://www.pes.fvet.edu.uy/cienmar/madid/glosario.html; 01-10-2006) .
0.34