serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.360 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular .
D12.644.360.024 Proteínas Adaptadoras de Transdução de Sinal .
D12.644.360.024.334 Proteínas Smad .
D12.644.360.024.334.500 Proteínas Smad Reguladas por Receptor .
D12.776 Proteínas .
D12.776.157 Proteínas de Transporte .
D12.776.157.057 Proteínas Adaptadoras de Transdução de Sinal .
D12.776.157.057.170 Proteínas Smad .
D12.776.157.057.170.500 Proteínas Smad Reguladas por Receptor .
D12.776.260 Proteínas de Ligação a DNA .
D12.776.260.713 Proteínas Smad .
D12.776.260.713.500 Proteínas Smad Reguladas por Receptor .
D12.776.395 Glicoproteínas .
D12.776.395.550 Glicoproteínas de Membrana .
D12.776.395.550.625 Glicoproteínas da Membrana de Plaquetas .
D12.776.395.550.625.800 Receptores de Trombina .
D12.776.395.550.625.800.790 Receptor PAR-1 .
D12.776.476 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular .
D12.776.476.024 Proteínas Adaptadoras de Transdução de Sinal .
D12.776.476.024.428 Proteínas Smad .
D12.776.476.024.428.500 Proteínas Smad Reguladas por Receptor .
D12.776.543 Proteínas de Membrana .
D12.776.543.550 Glicoproteínas de Membrana .
D12.776.543.550.625 Glicoproteínas da Membrana de Plaquetas .
D12.776.543.550.625.800 Receptores de Trombina .
D12.776.543.550.625.800.790 Receptor PAR-1 .
D12.776.543.750 Receptores de Superfície Celular .
D12.776.543.750.695 Receptores Acoplados a Proteínas-G .
D12.776.543.750.695.035 Receptor PAR-2 .
D12.776.543.750.695.875 Receptores de Trombina .
D12.776.543.750.695.875.500 Receptor PAR-1 .
D12.776.543.750.705 Receptores Imunológicos .
D12.776.543.750.705.675 Glicoproteínas da Membrana de Plaquetas .
D12.776.543.750.705.675.892 Receptores de Trombina .
D12.776.543.750.705.675.892.790 Receptor PAR-1 .
D12.776.543.750.705.816 Receptores de Antígenos .
D12.776.543.750.705.816.824 Receptores de Antígenos de Linfócitos T .
D12.776.543.750.750 Receptores de Peptídeos .
D12.776.543.750.750.850 Receptores de Trombina .
D12.776.543.750.750.850.399 Receptor PAR-1 .
D12.776.543.750.792 Receptores Ativados por Proteinase .
D12.776.543.750.792.249 Receptor PAR-2 .
D12.776.543.750.792.500 Receptores de Trombina .
D12.776.543.750.792.500.500 Receptor PAR-1 .
D12.776.744 Fosfoproteínas .
D12.776.744.741 Proteínas Smad Reguladas por Receptor .
D12.776.930 Fatores de Transcrição .
D12.776.930.806 Proteínas Smad .
D12.776.930.806.500 Proteínas Smad Reguladas por Receptor .
G02 Fenômenos Químicos .
G02.111 Fenômenos Bioquímicos .
G02.111.240 Regulação para Baixo .
G02.111.905 Regulação para Cima .
G05 Fenômenos Genéticos .
G05.308 Regulação da Expressão Gênica .
G05.308.200 Regulação para Baixo .
G05.308.850 Regulação para Cima .
G07 Fenômenos Fisiológicos .
G07.690 Fenômenos Farmacológicos e Toxicológicos .
G07.690.773 Fenômenos Farmacológicos .
G07.690.773.937 Regulação para Baixo .
G07.690.773.998 Regulação para Cima .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Regulação para Baixo .
Down-Regulation .
Regulação para Baixo de Receptor .
Regulação Negativa .
Down-Regulation de Receptor .
Regulação para Menos .
Regulação para Menos de Receptor .
Regulação de Receptor para Menos .
DOWNREGULATION .
DOWN-REGULATION (FISIOLOGIA) .
Efeito regulador negativo sobre os processos fisiológicos nos níveis molecular, celular ou sistêmico. No nível molecular, os principais sítios regulatórios incluem os receptores de membrana, genes (REGULAÇÃO DA EXPRESSÃO GÊNICA), RNAm (RNA MENSAGEIRO) e proteínas. .
0.81
7969854
 
Regulação para Cima .
Up-Regulation .
Regulação para Cima de Receptor .
Upregulation .
UP-REGULATION (FISIOLOGIA) .
Efeito controlador positivo sobre os processos fisiológicos nos níveis molecular, celular ou sistêmico. No nível molecular, os principais sítios regulatórios incluem os receptores de membrana, genes (REGULAÇÃO DA EXPRESSÃO GÊNICA), RNAm (RNA MENSAGEIRO) e as proteínas. .
0.60
7885048
 
Receptor PAR-1 .
Receptor 1 Ativado por Protease .
Subtipo de receptor de trombina que se acopla a PROTEÍNAS HETEROTRIMÉRICAS DE LIGAÇÃO A GTP resultando na ativação de vários mecanismos de sinalização, inclusive a diminuição de AMP CÍCLICO intracelular, aumento das FOSFOLIPASES TIPO C e FOSFOLIPASE A2. .
0.45
61731
 
Receptor PAR-2 .
Receptor 2 Ativado por Proteinase .
Receptor ativado por proteinase, acoplado a uma proteína G expresso em vários tecidos, abrangendo o ENDOTÉLIO, LEUCÓCITOS e TRATO GASTROINTESTINAL. O receptor é ativado pela TRIPSINA que cliva o peptídeo N-terminal do receptor. O novo peptídeo N-terminal é um ligante oculto para o receptor. O receptor não clivado também pode ser ativado pelo peptídeo N-terminal presente nos RECEPTORES DA TROMBINA ativado, e por pequenos peptídeos sintéticos que contêm a sequência N-terminal exposta. .
0.44
11469
 
Proteínas Smad Reguladas por Receptor .
Família de proteínas smad que sofrem FOSFORILAÇÃO por RECEPTORES DA SUPERFÍCIE CELULAR em resposta à sinalização por FATOR TRANSFORMADOR DE CRESCIMENTO BETA, ATIVINA ou PROTEÍNAS MORFOGENÉTICAS ÓSSEAS. .
0.43
1160
 
Receptores de Antígenos de Linfócitos T .
Receptores de Antígeno de Célula T .
Receptores de Antígeno de Células T .
Receptores de Antígeno de Linfócito T .
Receptores de Antígeno de Linfócitos T .
Receptores de Antígenos de Células T .
Receptores para Antígenos de Células T .
Receptores de Células T .
Receptores de Célula T .
Receptores para Antígenos de Célula T .
Receptores de Antígeno da Célula T .
Moléculas na superfície de linfócitos T que reconhecem e se combinam com antígenos. Os receptores estão não covalentemente associados com um complexo de diversos polipeptídeos coletivamente chamados de antígenos CD3 (ANTÍGENOS CD3). O reconhecimento de antígenos estranhos e complexo de histocompatibilidade principal é acompanhado por uma estrutura heterodimérica simples, composta por cadeias alfa-beta (RECEPTORES DE ANTÍGENOS DE LINFÓCITOS T ALFA-BETA) ou gama-delta (RECEPTORES DE ANTÍGENOS DE LINFÓCITOS T GAMA-DELTA). .
0.42
2421103