serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D20 Misturas Complexas .
D20.215 Produtos Biológicos .
E02 Terapêutica .
E02.190 Terapias Complementares .
E02.190.655 Naturopatia .
E05 Técnicas de Pesquisa .
E05.318 Métodos Epidemiológicos .
E05.318.740 Estatística como Assunto .
E05.318.740.600 Probabilidade .
E05.318.740.600.800 Risco .
G01 Fenômenos Físicos .
G01.750 Radiação .
G01.750.750 Radiação Ionizante .
G01.750.750.115 Radiação de Fundo .
G16 Fenômenos Biológicos .
G16.500 Fenômenos Ecológicos e Ambientais .
G16.500.275 Meio Ambiente .
G16.500.275.553 Recursos Naturais .
G17 Conceitos Matemáticos .
G17.680 Probabilidade .
G17.680.750 Risco .
J01 Tecnologia, Indústria e Agricultura .
J01.728 Recursos Naturais .
N05 Qualidade, Acesso e Avaliação da Assistência à Saúde .
N05.715 Qualidade da Assistência à Saúde .
N05.715.360 Mecanismos de Avaliação da Assistência à Saúde .
N05.715.360.750 Estatística como Assunto .
N05.715.360.750.625 Probabilidade .
N05.715.360.750.625.700 Risco .
N06 Meio Ambiente e Saúde Pública .
N06.230 Meio Ambiente .
N06.230.350 Recursos Naturais .
N06.850 Saúde Pública .
N06.850.520 Métodos Epidemiológicos .
N06.850.520.830 Estatística como Assunto .
N06.850.520.830.600 Probabilidade .
N06.850.520.830.600.800 Risco .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.011 Ciência .
SP4.011.072 Ciências Ambientais .
SP4.011.072.588 Recursos Naturais .
SP4.011.077 Qualidade Ambiental .
SP4.011.077.603 Conservação dos Recursos Naturais .
SP4.011.077.603.199 Áreas Protegidas .
SP4.011.077.603.199.830 Reservas Naturais .
SP4.011.087 Contaminação .
SP4.011.087.693 Poluição Ambiental .
SP4.011.087.693.334 Riscos Ambientais .
SP4.011.087.693.334.930 Risco Natural .
SP4.021 Abastecimento de Água .
SP4.021.197 Captação de Água .
SP4.021.197.118 Captação de Águas Subterrâneas .
SP4.021.197.118.519 Recarga de Aquíferos .
SP4.021.197.118.519.435 Recarga Natural .
SP6 Nutrição em Saúde Pública .
SP6.041 Alimentos .
SP6.041.167 Alimentos Integrais .
SP8 Desastres .
SP8.473 Risco .
SP8.473.327 Medição de Risco .
SP8.473.327.272 Risco Natural .
SP8.473.654 Ameaças .
SP8.473.654.377 Meio Ambiente .
SP8.473.654.377.037 Recursos Naturais .
SP8.473.654.412 Ameaças Tecnológicas .
SP8.473.654.412.072 Fatores Físicos e Químicos .
SP8.473.654.412.072.167 Radiação de Fundo .
VS2 Vigilância Sanitária de Produtos .
VS2.001 Controle e Fiscalização de Alimentos e Bebidas .
VS2.001.001 Alimentos .
VS2.001.001.001 Alimentos Integrais .
VS2.002 Controle de Medicamentos e Entorpecentes .
VS2.002.001 Preparações Farmacêuticas .
VS2.002.001.010 Produtos Biológicos .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Risco Natural .
Dano Natural .
Riscos Naturais .
A probabilidade de ocorrência, dentro de um período de tempo específico em uma determinada área, de um fenômeno da natureza potencialmente danoso. .
1.00
 
Risco .
Conhecimento de Risco .
1) A probabilidade de que um evento ocorrerá. Ele abrange uma variedade de medidas de probabilidade de um resultado geralmente desfavorável. 2) Medida de dano potencial ou prejuízo econômico expressa em termos de probabilidade estatística de ocorrência e de intensidade ou grandeza das consequências previsíveis. 3) Probabilidade de ocorrência de um acidente ou evento adverso, relacionado com a intensidade dos danos ou perdas, resultantes dos mesmos. 4) Probabilidade de danos potenciais dentro de um período especificado de tempo e/ou de ciclos operacionais. 5) Fatores estabelecidos, mediante estudos sistematizados, que envolvem uma probabilidade significativa de ocorrência de um acidente ou desastre. 6) Relação existente entre a ameaça de um evento adverso ou acidente determinado e o grau de invulnerabilidade do sistema receptor a seus efeitos (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992). 7) Número esperado de perdas (de vidas, pessoas feridas, propriedades danificadas e interrupção de atividades econômicas), devido a um fenômeno particular, em um período de referência e em uma dada área. O risco é o produto de ameaça e vulnerabilidade. .
0.65
 
Reservas Naturais .
Santuários Naturais .
Zonas com recursos naturais que podem submeter-se a exploração de forma científica e limitada que assegure sua conservação permanente. .
0.58
 
Recursos Naturais .
Recursos Naturais (Saúde Ambiental) .
1) Materiais ou substâncias, tais como terra, madeira, água fresca, combustíveis fósseis, ou depósitos minerais que ocorrem em um estado natural e têm valor econômico ou utilidade para os seres humanos. 2) Agregado de elementos minerais e bióticos da terra, assim como das várias formas de energia que ocorrem em estado natural (energia solar) ou forças do meio ambiente independentes do homem (vento, marés), que são considerados como tendo um valor potencial ao homem. Recursos naturais podem ser: renováveis, por reprodução (organismos vivos) ou por ciclos biogeoquímicos (água, nitrogênio), não renováveis (petróleo), permanentes (energia solar). (Material V - Gunn, S.W.A. Multilingual Dictionary of Disaster Medicine and International Relief, 1990) .
0.56
 
Naturopatia .
Medicina Naturopática .
Remédios Naturais .
Sistema de terapia sem medicação que faz uso das forças físicas como ar, luz, água, calor, massagem. Os tratamentos frequentemente têm orientação dietética e nutricional com atenção dada ao histórico pessoal do paciente e seu estilo de vida. (Tradução livre do original: Cassileth, Alternative Medicine Handbook, 1998, p329) .
0.56
 
Produtos Biológicos .
Medicamentos Biológicos .
Produto Biológico .
Produtos Naturais .
Substâncias Biológicas .
Substâncias farmacêuticas complexas, preparações ou produtos de origem orgânica geralmente obtidos por métodos ou ensaios biológicos. .
0.51
 
Recarga Natural .
0.51
 
Radiação de Fundo .
Radiação Ambiental .
Radiação Natural .
Propagação da energia do meio ambiente natural do homem. Inclui a procedente dos raios cósmicos, a dos elementos radioativos naturais da Terra e a originada no próprio corpo humano. .
0.49
 
Alimentos Integrais .
Alimento Integral .
Alimento in Natura .
Alimento Natural .
Alimentos Naturais .
Alimento Saudável .
Alimentos Saudáveis .
Alimentos não transformados e não refinados, ou processados e refinados tão pouco quanto possível, antes de serem consumidos. Alimentos integrais normalmente não contêm sal, açúcar, ou gordura adicionados. (Tradução livre do original: Bruce et al, 2000; PMID 10682877) Exemplos de alimentos integrais incluem grãos não polidos, feijões, frutas, vegetais e produtos de origem animal, incluindo carnes e produtos lácteos não homogeneizado. (Tradução livre do original: Kilham, 1996; ISBN 0-89281-626-0) .
0.49