serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

A12 Líquidos e Secreções .
A12.200 Secreções Corporais .
A12.200.769 Esmegma .
B01 Eucariotos .
B01.050 Animais .
B01.050.150 Cordados .
B01.050.150.900 Vertebrados .
B01.050.150.900.493 Peixes .
B01.050.150.900.493.850 Smegmamorpha .
B01.050.150.900.493.850.139 Beloniformes .
B01.050.150.900.649 Mamíferos .
B01.050.150.900.649.313 Eutérios .
B01.050.150.900.649.313.968 Lagomorpha .
B01.050.500 Invertebrados .
B01.050.500.131 Artrópodes .
B01.050.500.131.617 Insetos .
B01.050.500.131.617.720 Pterigotos .
B01.050.500.131.617.720.500 Neópteros .
B01.050.500.131.617.720.500.500 Holometábolos .
B01.050.500.131.617.720.500.500.750 Dípteros .
B01.050.500.131.617.720.500.500.750.712 Nematóceros .
B01.050.500.131.617.720.500.500.750.712.500 Culicomorfos .
B01.050.500.500 Helmintos .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.401 Fabaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.618 Lilianae .
B01.650.940.800.575.912.250.618.050 Alismatales .
B01.650.940.800.575.912.250.618.050.750 Araceae .
B01.650.940.800.575.912.250.618.050.750.077 Amorphophallus .
B03 Bactérias .
B03.510 Bactérias Gram-Positivas .
B03.510.024 Actinobacteria .
B03.510.024.049 Actinomycetales .
B03.510.024.049.525 Mycobacteriaceae .
B03.510.024.049.525.500 Mycobacterium .
B03.510.024.049.525.500.720 Micobactérias não Tuberculosas .
B03.510.024.049.525.500.720.662 Mycobacterium smegmatis .
B03.510.460 Bacilos Gram-Positivos .
B03.510.460.400 Bacilos Gram-Positivos Asporogênicos .
B03.510.460.400.410 Bacilos Gram-Positivos Asporogênicos Regulares .
B03.510.460.400.410.552 Mycobacteriaceae .
B03.510.460.400.410.552.552 Mycobacterium .
B03.510.460.400.410.552.552.720 Micobactérias não Tuberculosas .
B03.510.460.400.410.552.552.720.662 Mycobacterium smegmatis .
C07 Doenças Estomatognáticas .
C07.793 Odontopatias .
C07.793.208 Depósitos Dentários .
C07.793.208.688 Camada de Esfregaço .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.011 Ciência .
SP4.011.107 Microbiologia .
SP4.011.107.198 Helmintos .
VS2 Vigilância Sanitária de Produtos .
VS2.001 Controle e Fiscalização de Alimentos e Bebidas .
VS2.001.001 Alimentos .
VS2.001.001.001 Alimentos Integrais .
VS2.001.001.001.002 Fabaceae .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Smegmamorpha .
Gasterosteídeos .
Gasterosteidae .
Tainhas .
Cavalos-Marinhos .
Esgana-Gatas .
Enguias dos Pântanos .
TAINHA .
Esgana-Gata .
Grupo de peixes (superordem Acanthopterygii) diferentes dos PERCIFORMES (como enguias dos pântanos, tainhas, esgana-gatas, cavalos-marinhos, enguias-espinhosas, peixes-arco-íris e PEIXES-LISTRADOS). O nome deriva dos seis táxons que compreendem o grupo. (Tradução livre do original: http://www.nanfa.org/articles/Elassoma/elassoma.htm; disponível em 08/04/2000). Ver também http://www.nanfa.org/articles/elassoma.shtml. .
1.00
411854
 
Mycobacterium smegmatis .
Espécie não fotocromogênica nem patogênica, de crescimento rápido, originalmente isolada do esmegma humano e encontrada também no solo e água. (Dorland, 28a ed) .
0.50
81939
 
Fabaceae .
Afzelia .
Amorpha .
Andira .
Baptisia .
Caesalpiniaceae .
Callerya .
Ceratonia .
Cesalpiniaceae .
Cesalpiniácea .
Cesalpiniáceas .
Clathrotropis .
Clatrótrope .
Colophospermum .
Copaifera .
Delonix .
Euchresta .
Feijão .
Feijões .
Guibourtia .
Legumes .
Leguminosae .
Leguminosas .
Machaerium .
Pithecolobium .
Pithecellobium .
Stryphnodendron .
Vagem .
Vagens .
Grande família de plantas caracterizadas por vagens. Algumas são comestíveis, enquanto outras causam LATIRISMO ou FAVISMO e outras formas de envenenamento. Outras espécies produzem materiais úteis, como as gomas da ACÁCIA e várias LECTINAS, como as FITO-HEMAGLUTININAS de PHASEOLUS. Muitas delas abrigam bactérias FIXADORAS DE NITROGÊNIO em suas raizes. Muitas espécies, mas nem todas, de feijões pertencem a esta família. .
0.45
68012883
 
Camada de Esfregaço .
Camada de Esfregaço Dentinária .
Camada de Lama Dentinária .
Camada de Magma Dentinário .
Camada de Smear .
Lama Dentinária .
Magma Dentinária .
Camada de Magma .
Fragmento aderente produzido a partir do corte do esmalte ou dentina na preparação da cavidade. Apresenta aproximadamente 1 mícron de espessura e sua composição reflete a dentina subjacente, embora quantidades e qualidades diferentes de camada de esfregaço possam ser produzidas pelas várias técnicas de instrumentação. Presume-se que sua função seja de proteção, uma vez que diminui a permeabilidade da dentina. Entretanto, a camada de esfregaço mascara a dentina subjacente e interfere com os esforços em ligar material dentário à dentina. .
0.41
2021353
 
Esmegma .
Acumulação de odor desagradável de SEBO e células epidérmicas de descamação, especialmente a substância caseosa que se encontra sob o prepúcio do pênis, e na base dos lábios menores próxima ao clitóris. .
0.39
280
 
Beloniformes .
Peixe-Agulha .
Peixes-Agulha .
Ordem de peixes (grupo SMEGMAMORPHA) composta por adrianichthyids, medakas (ORYZIAS), peixe-agulha, 'halfbeaks' e peixes voadores. .
0.33
454
 
Culicomorfos .
Culicomorpha .
Insetos da ordem DIPTERA, subordem NEMATOCERA. Incluem os mosquitos, os pernilongos, as varejeiras e outras moscas. .
0.33
20
 
Amorphophallus .
Konjac .
Amorphophallus konjac .
Gênero de plantas da família ARACEAE cujos membros contêm glicomananas de konjac (MANANAS) e SEROTONINA. .
0.32
1136
 
Lagomorpha .
Lagomorfos .
Tapitis .
Ochotona .
Pikas .
Ordem de mamíferos herbívoros, pequenos, composta por duas famílias: Ochotonidae ('pikas') e Leporidae (COELHOS e LEBRES). Seu comprimento (cabeça e corpo) varia de 12,5 (aproximadamente) a 75 cm. Lebres e coelhos têm cauda curta enquanto "pikas" não apresentam cauda. Os coelhos nascem sem pelos e com olhos e orelhas fechados. As LEBRES nascem peludas com olhos e orelhas abertos (Tradução livre do original: Nowak, Walker's Mammals of the World, 5th ed, p 539-41). .
0.31
9652
 
Helmintos .
Nematomorfos .
Asquelmintos .
Gordius .
Nematomorpha .
Vermes Parasitas .
Este grupo (vulgarmente conhecido como de vermes parasitas) inclui ACANTOCÉFALOS, NEMATOIDES e PLATELMINTOS. São considerados helmintos (por alguns autores) algumas espécies de SANGUESSUGAS que podem se tornar temporariamente parasitas. .
0.31
4903640