serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

A13 Estruturas Animais .
A13.075 Nadadeiras de Animais .
B01 Eucariotos .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.157 Brassicaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.157.187 Barbarea .
B01.650.940.800.575.912.250.401 Fabaceae .
D03 Compostos Heterocíclicos .
D03.383 Compostos Heterocíclicos com 1 Anel .
D03.383.742 Pirimidinas .
D03.383.742.698 Pirimidinonas .
D03.383.742.698.253 Barbitúricos .
D03.383.742.698.253.077 Amobarbital .
HP4 Materia Medica .
HP4.018 Medicamento Homeopático .
HP4.018.685 Medicamento Homeopático S .
HP4.018.685.889 Stryphnodendron barbatimam .
VS2 Vigilância Sanitária de Produtos .
VS2.001 Controle e Fiscalização de Alimentos e Bebidas .
VS2.001.001 Alimentos .
VS2.001.001.001 Alimentos Integrais .
VS2.001.001.001.002 Fabaceae .
Z01 Localizações Geográficas .
Z01.107 Américas .
Z01.107.084 Região do Caribe .
Z01.107.084.900 Índias Ocidentais .
Z01.107.084.900.140 Barbados .
Z01.639 Ilhas .
Z01.639.880 Índias Ocidentais .
Z01.639.880.140 Barbados .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Stryphnodendron barbatimam .
Barbatimão .
Stryphnodendron adstringens .
Medicamento homeopático. Barbatimão. Abrev.: "stryph.". Origem vegetal. Habitat original: Brasil. Parte utilizada: casca. .
1.00
240
 
Fabaceae .
Afzelia .
Amorpha .
Andira .
Baptisia .
Caesalpiniaceae .
Callerya .
Ceratonia .
Cesalpiniaceae .
Cesalpiniácea .
Cesalpiniáceas .
Clathrotropis .
Clatrótrope .
Colophospermum .
Copaifera .
Delonix .
Euchresta .
Feijão .
Feijões .
Guibourtia .
Legumes .
Leguminosae .
Leguminosas .
Machaerium .
Pithecolobium .
Pithecellobium .
Stryphnodendron .
Vagem .
Vagens .
Grande família de plantas caracterizadas por vagens. Algumas são comestíveis, enquanto outras causam LATIRISMO ou FAVISMO e outras formas de envenenamento. Outras espécies produzem materiais úteis, como as gomas da ACÁCIA e várias LECTINAS, como as FITO-HEMAGLUTININAS de PHASEOLUS. Muitas delas abrigam bactérias FIXADORAS DE NITROGÊNIO em suas raizes. Muitas espécies, mas nem todas, de feijões pertencem a esta família. .
0.77
62512883
 
Barbarea .
Erva-de-Santa-Bárbara .
Erva-de-São-Julião .
Agrião-dos-Jardins .
Agrião-da-Terra .
Gênero de plantas (família BRASSICACEAE) cujos membros contêm glucobrassicina. .
0.43
043
 
Barbados .
Ilha nas Pequenas Antilhas nas Índias Ocidentais. É principal formadora de corais, sem bons portos e somente pequenos córregos. Provavelmente foi descoberta pelos portugueses no século XVI. O nome foi determinado pelos exploradores espanhóis do século XVI e vem de barbados, o plural para "barbudo", em referência às folhas parecidas com barbas ou rastros de musgos nas árvores que lá cresciam em abundância. (Tradução livre do original: Webster's New Geographical Dictionary, 1988, p116 & Room, Brewer's Dictionary of Names, 1992, p49) .
0.41
162560
 
Amobarbital .
Amilobarbitona .
Pentimal .
BARBAMIL .
Barbitúrico com propriedade hipnótica e sedativa (mas não antiansiedade). Efeitos adversos são principalmente consequência da depressão do SNC relacionada à dose, e é alto o risco de dependência com o uso contínuo. .
0.40
81937
 
Nadadeiras de Animais .
Nadadeira (Zoologia) .
Aleta Animal .
Aletas Animais .
Aletas de Animais .
Aletas dos Animais .
Barbatana Animal .
Barbatanas Animais .
Barbatanas de Animais .
Barbatanas dos Animais .
Nadadeira Animal .
Nadadeiras (Zoologia) .
Nadadeiras Animais .
Nadadeiras dos Animais .
Apêndice membranáceo de peixes e outros organismos aquáticos usados para locomoção ou equilíbrio. .
0.39
13654