serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

A08 Sistema Nervoso .
A08.186 Sistema Nervoso Central .
A08.186.211 Encéfalo .
C04 Neoplasias .
C04.588 Neoplasias por Localização .
C04.588.614 Neoplasias do Sistema Nervoso .
C04.588.614.250 Neoplasias do Sistema Nervoso Central .
C04.588.614.250.195 Neoplasias Encefálicas .
C10 Doenças do Sistema Nervoso .
C10.228 Doenças do Sistema Nervoso Central .
C10.228.140 Encefalopatias .
C10.228.140.199 Lesões Encefálicas .
C10.228.140.199.444 Lesões Encefálicas Traumáticas .
C10.228.140.211 Neoplasias Encefálicas .
C10.228.140.380 Demência .
C10.228.140.380.266 Degeneração Lobar Frontotemporal .
C10.228.140.380.266.299 Demência Frontotemporal .
C10.228.140.380.266.299.500 Doença de Pick .
C10.500 Malformações do Sistema Nervoso .
C10.500.680 Defeitos do Tubo Neural .
C10.500.680.488 Encefalocele .
C10.551 Neoplasias do Sistema Nervoso .
C10.551.240 Neoplasias do Sistema Nervoso Central .
C10.551.240.250 Neoplasias Encefálicas .
C10.900 Traumatismos do Sistema Nervoso .
C10.900.300 Traumatismos Craniocerebrais .
C10.900.300.087 Lesões Encefálicas .
C10.900.300.087.235 Lesões Encefálicas Traumáticas .
C16 Doenças e Anormalidades Congênitas, Hereditárias e Neonatais .
C16.131 Anormalidades Congênitas .
C16.131.666 Malformações do Sistema Nervoso .
C16.131.666.680 Defeitos do Tubo Neural .
C16.131.666.680.488 Encefalocele .
C23 Condições Patológicas, Sinais e Sintomas .
C23.300 Condições Patológicas Anatômicas .
C23.300.707 Hérnia .
C23.300.707.186 Encefalocele .
C26 Ferimentos e Lesões .
C26.915 Traumatismos do Sistema Nervoso .
C26.915.300 Traumatismos Craniocerebrais .
C26.915.300.200 Lesões Encefálicas .
C26.915.300.200.194 Lesões Encefálicas Traumáticas .
D04 Compostos Policíclicos .
D04.345 Compostos Macrocíclicos .
D04.345.566 Peptídeos Cíclicos .
D04.345.566.735 Faloidina .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.456 Oligopeptídeos .
D12.644.456.735 Faloidina .
D12.644.641 Peptídeos Cíclicos .
D12.644.641.735 Faloidina .
D23 Fatores Biológicos .
D23.050 Antígenos .
D23.050.285 Antígenos de Neoplasias .
D23.050.285.050 Antígenos Glicosídicos Associados a Tumores .
D23.050.550 Epitopos .
D23.050.550.325 Antígenos Glicosídicos Associados a Tumores .
D23.101 Biomarcadores .
D23.101.140 Biomarcadores Tumorais .
D23.101.140.075 Antígenos Glicosídicos Associados a Tumores .
D23.946 Toxinas Biológicas .
D23.946.587 Micotoxinas .
D23.946.587.755 Faloidina .
F03 Transtornos Mentais .
F03.615 Transtornos Neurocognitivos .
F03.615.400 Demência .
F03.615.400.380 Degeneração Lobar Frontotemporal .
F03.615.400.380.299 Demência Frontotemporal .
F03.615.400.380.299.500 Doença de Pick .
N03 Economia e Organizações de Saúde .
N03.219 Economia .
N03.219.463 Administração Financeira .
N03.219.463.045 Falência .
SP8 Desastres .
SP8.473 Risco .
SP8.473.654 Ameaças .
SP8.473.654.517 Geologia .
SP8.473.654.517.262 Falha Geológica .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Neoplasias Encefálicas .
Câncer do Encéfalo .
Câncer Cerebral .
Neoplasias Cerebrais .
Tumores Encefálicos .
Tumores Cerebrais .
Câncer de Encéfalo .
Câncer de Cérebro .
Tumores Encefálicos Primários Malignos .
Tumores Cerebrais Primários Malignos .
Neoplasias Intracranianas .
Neoplasias dos componentes intracranianos do sistema nervoso central, incluindo os hemisférios cerebrais, gânglios da base, hipotálamo, tálamo, tronco encefálico e cerebelo. As neoplasias encefálicas são subdivididas em formas primárias (originárias do tecido encefálico) e secundárias (i. é, metastáticas). As neoplasias primárias são subdivididas em formas benignas e malignas. Em geral, os tumores encefálicos podem ser classificados pela idade de início, tipo histológico ou local de apresentação no cérebro. .
0.46
94892377
 
Encéfalo .
1) A parte do SISTEMA NERVOSO CENTRAL contida no CRÂNIO. O encéfalo embrionário surge do TUBO NEURAL, sendo composto de três partes principais, incluindo o PROSENCÉFALO (cérebro anterior), o MESENCÉFALO (cérebro médio) e o ROMBENCÉFALO (cérebro posterior). O encéfalo desenvolvido consiste em CÉREBRO, CEREBELO e outras estruturas do TRONCO ENCEFÁLICO. 2) Conjunto de órgãos do sistema nervoso central que compreende o cérebro, o cerebelo, a protuberância anular (ou ponte de Varólio) e a medula oblonga, estando todos contidos na caixa craniana e protegidos pela meninges e pelo líquido cefalorraquidiano. É a maior massa de tecido nervoso do organismo e contém bilhões de células nervosas. Seu peso médio, em um adulto, é da ordem de 1.360 g, nos homens e 1.250 g nas mulheres. Embriologicamente, corresponde ao conjunto de prosencéfalo, mesencéfalo e rombencéfalo. Seu crescimento é rápido entre o quinto ano de vida e os vinte anos. Na velhice diminui de peso. Inglês: encephalon, brain. (Rey, L. 1999. Dicionário de Termos Técnicos de Medicina e Saúde, 2a. ed. Editora Guanabara Koogan S.A. Rio de Janeiro) .
0.44
659411387
 
Antígenos Glicosídicos Associados a Tumores .
Antígenos Glicosídicos Associados ao Câncer .
Antígenos Carboidratos Associados a Tumores .
Antígenos CA .
ANTÍGENOS CARBOIDRATOS ASSOCIADOS AO CÂNCER .
Antígenos glicosídicos expressos por tecidos malignos. Estes antígenos são úteis como marcadores tumorais e podem ser quantificados no soro com anticorpos monoclonais por meio da técnica de radioimunoensaio. .
0.39
275102
 
Lesões Encefálicas Traumáticas .
Lesões Traumáticas Encefálicas .
Encefalopatia Traumática .
Lesão Traumática do Encéfalo .
LCT (Lesão Cerebral Traumática) .
LCTs (Lesões Cerebrais Traumáticas) .
Trauma de Encéfalo .
Traumatismo Cerebral .
Traumatismo do Encéfalo .
Lesão Encefálica Traumática .
Traumatismos Cerebrais .
Traumatismos Encefálicos .
Traumatismo do Cérebro .
Lesão Cerebral Traumática .
LESÕES CEREBRAIS TRAMÁTICAS .
Forma adquirida de lesão encefálica que ocorre quando um trauma repentino danifica o encéfalo. .
0.39
2721410
 
Falência .
Insolvência Financeira .
O estado de insolvência legal com o patrimônio sendo cuidado por processo judicial tanto que pode ser distribuído entre os credores. .
0.38
2845
 
Falha Geológica .
Falha .
1. Plano de separação que se forma entre blocos de uma camada rochosa, em consequência do seu deslocamento e de movimentos tectônicos (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992). Fratura plana ou ligeiramente curva nas camadas superiores da crosta terrestre, sobre as quais ocorre o deslocamento; Fratura nas rochas da crosta terrestre, ao longo das quais os blocos contíguos se movimentaram. A amplitude desse movimento pode variar de milímetros até centenas de metros. Terremotos catastróficos têm ocorrido nas zonas de domínio de grandes falhas geológicas ativas, como, por exemplo, na região da Califórnia (USA), associados à falha de San Andreas (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992) .
0.38
40
 
Faloidina .
Polipeptídeo muito tóxico isolado principalmente de AMANITA phalloides (Agaricaceae) ou taça da morte. Causa lesão fatal no fígado, rim e danos ao SNC em caso de envenenamento por ingestão do cogumelo. Usado no estudo da lesão hepática. .
0.37
11467
 
Encefalocele .
Hérnia Cerebral .
Encefalocele Frontal .
Encefalocele Occipital .
Herniação do tecido encefálico devido a defeito congênito ou adquirido no cérebro. A maioria das encefaloceles congênitas ocorre nas regiões occipital ou frontal. As características clínicas incluem uma massa protuberante que pode ser pulsátil. A quantidade e localização do tecido neural protruído determina o tipo e o grau de deficiência neurológica. Frequentemente ocorrem defeitos visuais, atraso no desenvolvimento psicomotor e deficiências motoras persistentes. .
0.37
943180
 
Doença de Pick .
Atrofia de Lobo Cerebral Circunscrita .
Atrofia de Lobo Encefálico Circunscrita .
Atrofia Lobar Circunscrita do Cérebro .
Atrofia Lobar Circunscrita do Encéfalo .
Atrofia Lobar (Cérebro) .
Atrofia Lobar (Encéfalo) .
Atrofia Lobar do Cérebro .
Atrofia Lobar do Encéfalo .
Doença de Pick do Cérebro .
Doença de Pick do Encéfalo .
Doença Cerebral de Pick .
Forma rara de DEMÊNCIA, algumas vezes familiar. Os sinais clínicos incluem AFASIA; APRAXIA; CONFUSÃO; ANOMIA; perda da memória e deterioração da personalidade. Este padrão é consistente com os achados patológicos de atrofia circunscrita dos polos do LOBO FRONTAL e LOBO TEMPORAL. A perda neuronal é máxima no HIPOCAMPO, córtex entorrinal e AMÍGDALA. Alguns neurônios corticais balonizados contêm corpos argentofílicos (Pick). .
0.35
9394