serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D08 Enzimas e Coenzimas .
D08.811 Enzimas .
D08.811.913 Transferases .
D08.811.913.696 Fosfotransferases .
D08.811.913.696.445 Nucleotidiltransferases .
D08.811.913.696.445.308 DNA Nucleotidiltransferases .
D08.811.913.696.445.308.300 DNA Polimerase Dirigida por DNA .
D08.811.913.696.445.308.300.225 DNA Polimerase I .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.276 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D12.644.276.937 Somatomedinas .
D12.644.276.937.400 Fator de Crescimento Insulin-Like I .
D12.644.360 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular .
D12.644.360.262 Ciclinas .
D12.644.360.262.400 Ciclina I .
D12.776 Proteínas .
D12.776.124 Proteínas Sanguíneas .
D12.776.124.862 Somatomedinas .
D12.776.124.862.400 Fator de Crescimento Insulin-Like I .
D12.776.157 Proteínas de Transporte .
D12.776.157.125 Proteínas de Ligação ao Cálcio .
D12.776.157.125.050 Anexinas .
D12.776.157.125.050.100 Anexina A5 .
D12.776.167 Proteínas de Ciclo Celular .
D12.776.167.218 Ciclinas .
D12.776.167.218.400 Ciclina I .
D12.776.467 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D12.776.467.937 Somatomedinas .
D12.776.467.937.400 Fator de Crescimento Insulin-Like I .
D12.776.476 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular .
D12.776.476.262 Ciclinas .
D12.776.476.262.400 Ciclina I .
D12.776.631 Proteínas do Tecido Nervoso .
D12.776.631.750 Sinapsinas .
D12.776.744 Fosfoproteínas .
D12.776.744.840 Sinapsinas .
D13 Ácidos Nucleicos, Nucleotídeos e Nucleosídeos .
D13.695 Nucleotídeos .
D13.695.578 Polinucleotídeos .
D13.695.578.550 Polirribonucleotídeos .
D13.695.578.550.650 Poli I .
D23 Fatores Biológicos .
D23.529 Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intercelular .
D23.529.937 Somatomedinas .
D23.529.937.400 Fator de Crescimento Insulin-Like I .
I01 Ciências Sociais .
I01.615 Internacionalidade .
I01.615.500 Cooperação Internacional .
N06 Meio Ambiente e Saúde Pública .
N06.850 Saúde Pública .
N06.850.460 Poluição Ambiental .
N06.850.460.660 Poluição por Petróleo .
SH1 Gestão de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde .
SH1.010 Políticas e Cooperação em Ciência, Tecnologia e Inovação .
SH1.010.020 Cooperação Internacional .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.011 Ciência .
SP4.011.127 Ciências Sociais .
SP4.011.127.423 Cooperação Técnica .
SP4.011.127.423.734 Convênios .
SP4.011.127.423.734.010 Cooperação Internacional .
SP4.011.127.423.739 Cooperação Econômica .
SP4.011.127.423.739.025 Cooperação Internacional .
SP4.011.127.433 Legislação Ambiental .
SP4.011.127.433.819 Convênios .
SP4.011.127.433.819.090 Cooperação Internacional .
SP4.011.127.433.869 Cooperação Internacional .
SP4.016 Recursos Hídricos .
SP4.016.177 Poluição da Água .
SP4.016.177.023 Poluição de Rios .
SP4.016.177.023.369 Poluição por Petróleo .
SP4.016.177.028 Poluição do Mar .
SP4.016.177.028.374 Poluição por Petróleo .
SP9 Direito Sanitário .
SP9.050 Direito Internacional .
SP9.050.030 Cooperação Internacional .
SP9.050.030.010 Cooperação Econômica .
Z01 Localizações Geográficas .
Z01.756 Oceanos e Mares .
Z01.756.217 Mar Negro .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Cooperação Internacional .
Auxílio Internacional .
Ajuda Externa .
Tratado .
Tratados .
Pactos .
Convênios Bilaterais .
Acordos Bilaterais .
Convênios Regionais .
Acordos Regionais .
Convênios Internacionais .
Acordos Internacionais .
Convenções Internacionais .
Pactos Internacionais .
Tratados Internacionais .
Instituto Pan-Americano de Proteção dos Alimentos e Zoonoses (INPPAZ) .
Organizações dos Estados do Leste do Caribe .
Associação Latino-Americana de Integração (ALADI) .
ANZCERTA .
Comunidade para o Desenvolvimento da Áfria Austral .
Blocos de Integração .
Grupo Andino .
Pacto Andino .
Associação Européia de Livre Comércio .
AELC 5670 .
Associação Latino-Americana de Livre Comércio .
ALALC .
CEPANZO .
Instituto Pan-Americano de Proteção dos Alimentos e Zoonoses .
INPPAZ .
AEC 5670 .
Associação de Estados do Caribe .
ALADI .
Associação Latino-Americana de Integração .
ASEAN .
Associação das Nações do Sudeste Asiático .
Comunidade Andina .
CAN 5670 .
OECS 5670 .
Organização dos Estados do Leste do Caribe .
EFTA 5670 .
SADC 5670 .
Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral .
Globalização .
NAFTA .
Tratado de Livre Comércio da América do Norte .
Comunidade do Caribe .
Mercado Comum e Comunidade do Caribe .
CARICOM .
Blocos Econômicos .
Blocos Comerciais .
MCCA 5670 .
Mercado Comum Centro-Americano .
BSEC 5670 .
Cooperação Econômica do Mar Negro .
APEC 5670 .
Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico .
Acordo Comercial sobre Relações Econômicas entre Austrália e Nova Zelândia .
AZCERTA .
Australia New Zealand Closer Economic Relations Trade Agreement .
Acuerdo para el Establecimiento de Relaciones Económicas Más Estrechas Entre Australia y Nueva Zelandia .
ALCA 5670 .
Área de Livre Comércio das Américas .
1. Interação de pessoas ou grupos de pessoas que representam várias nações na busca de uma meta ou interesse comum. 2. Tratado: Acordo formal, liga, ou contrato, entre duas ou mais nações ou soberanias, formalmente assinado e solenemente ratificado pelo poder supremo ou por cada estado. Tratados são de vários tipos, como o para regular o comércio, para formar alianças ofensivas e defensivas, para fazer a paz, etc; o documento contendo tal acordo. (tradução livre do original: Webster's New Twentieth Century Dictionary of the English Language Unabridged, 2nd ed., 1971) .
0.62
168341300
 
Mar Negro .
Mar interno entre a Europa e a Ásia. Conecta-se com o Mar Egeu pelo estreito de Bósforo, o Mar de Marmara o Estreito de Dardanelos. .
0.43
3256
 
Cooperação Econômica .
Assistência Econômica .
Assistência Financeira .
0.42
 
Fator de Crescimento Insulin-Like I .
Fator de Crescimento Semelhante à Insulina I .
Fator de Crescimento Insulina-Símile I .
Fator I de Crescimento Semelhante à Insulina .
Fator I de Crescimento Similar à Insulina .
Fator de Crescimento Similar à Insulina Tipo I .
IGF-I .
Somatomedina C .
Peptídeo básico bem caracterizado supostamente secretado pelo fígado e circula no sangue. Tem atividades reguladora de crescimento (similar à insulina) e mitogênica. Este fator de crescimento possui uma principal (mas não absoluta) dependência do HORMÔNIO DE CRESCIMENTO. Acredita-se ser ativa principalmente em adultos, em contraste com o FATOR DE CRESCIMENTO INSULIN-LIKE II, que é o principal fator de crescimento fetal. .
0.41
25431382
 
DNA Polimerase I .
DNA Polimerase I Dependente de DNA .
Pol I .
Fragmento Klenow .
DNA Polimerase alfa .
DNA polimerase dependente de DNA, caracterizada em procariotos, e que pode estar presente em organismos superiores. Tem tanto atividade de exonuclease 3'-5'quanto 5'-3', mas não pode usar o DNA de fita dupla nativo como molde-iniciador. Não é inibida por reagentes sulfidrílicos e é ativa tanto na síntese quanto no reparo do DNA. Ec 2.7.7.7. .
0.40
72958
 
Anexina A5 .
Anexina V .
Proteína Anticoagulante I de Placenta .
Ancorina CII .
Calfobindina I .
Endonexina II .
Lipocortina V .
PAP-I .
Proteína da família anexina isolada da PLACENTA humana e outros tecidos. Inibe a FOSFOLIPASE A2 citosólica e demonstra atividade anticoagulante. .
0.39
54472
 
Poli I .
Inosina Polinucleotídeos .
Ácidos Poli-Inosínicos .
INOSINA POLINUCLEOTÍDIOS .
Grupo de ribonucleotídeos inosina nos quais os resíduos fosfato de cada ribonucleotídeo inosina atuam como pontes formando ligações diéster entre as moléculas de ribose. .
0.39
0266
 
Poluição por Petróleo .
Maré Negra .
Poluição por Óleo .
Poluição por Derramamento de Petróleo .
Derramamentos de Petróleo .
Derramamentos de Óleo .
Liberação de óleo no ambiente geralmente devida à atividade humana. .
0.38
151480
 
Ciclina I .
Subtipo de ciclina encontrada abundantemente em tecidos pós-mitóticos. Em contraste com as ciclinas clássicas, seus níveis não oscilam durante o ciclo celular. .
0.38
022
 
Sinapsinas .
Sinapsina I .
Sinapsina II .
Sinapsina III .
Proteína I .
Proteína III .
Família de proteínas associadas às vesículas sinápticas envolvidas na regulação de curto prazo da liberação de NEUROTRANSMISSORES. A sinapsina I, o membro predominante desta família, liga as VESÍCULAS SINÁPTICAS a FILAMENTOS DE ACTINA no terminal nervoso pré-sináptico. Essas interações são moduladas pela FOSFORILAÇÃO reversível da sinapsina I através de várias vias de transdução de sinal. A proteína também é um substrato para PROTEÍNAS QUINASES DEPENDENTES DE C-AMP e para PROTEÍNAS QUINASES DEPENDENTES DE CÁLCIO-CALMODULINA. Acredita-se que essas propriedades funcionais também sejam compartilhadas pela sinapsina II. .
0.38
01470