serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

B01 Eucariotos .
B01.650 Plantas .
B01.650.940 Viridiplantae .
B01.650.940.800 Estreptófitas .
B01.650.940.800.575 Embriófitas .
B01.650.940.800.575.912 Traqueófitas .
B01.650.940.800.575.912.250 Magnoliopsida .
B01.650.940.800.575.912.250.401 Fabaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.456 Gentianales .
B01.650.940.800.575.912.250.456.875 Loganiaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.456.875.750 Strychnos .
B01.650.940.800.575.912.250.583 Lamiales .
B01.650.940.800.575.912.250.583.670 Orobanchaceae .
B01.650.940.800.575.912.250.583.670.875 Striga .
D13 Ácidos Nucleicos, Nucleotídeos e Nucleosídeos .
D13.150 Elementos Antissenso (Genética) .
D13.150.650 RNA Antissenso .
D13.150.650.319 MicroRNAs .
D13.444 Ácidos Nucleicos .
D13.444.735 RNA 12333 .
D13.444.735.150 RNA Antissenso .
D13.444.735.150.319 MicroRNAs .
D13.444.735.790 RNA não Traduzido .
D13.444.735.790.552 Pequeno RNA não Traduzido .
D13.444.735.790.552.500 MicroRNAs .
D20 Misturas Complexas .
D20.215 Produtos Biológicos .
D20.215.784 Preparações de Plantas .
D20.215.784.500 Extratos Vegetais .
D20.215.784.500.200 Curare .
HP4 Materia Medica .
HP4.018 Medicamento Homeopático .
HP4.018.189 Medicamento Homeopático C .
HP4.018.189.881 Curare .
HP4.018.375 Medicamento Homeopático I .
HP4.018.375.298 Ignatia amara .
HP4.018.685 Medicamento Homeopático S .
HP4.018.685.889 Stryphnodendron barbatimam .
HP4.018.747 Medicamento Homeopático U .
HP4.018.747.131 Upas tieute .
SP8 Desastres .
SP8.473 Risco .
SP8.473.654 Ameaças .
SP8.473.654.587 Meteorologia .
SP8.473.654.587.582 Nuvens .
SP8.473.654.587.582.488 Stratus .
SP8.473.654.587.582.494 Stratus .
VS2 Vigilância Sanitária de Produtos .
VS2.001 Controle e Fiscalização de Alimentos e Bebidas .
VS2.001.001 Alimentos .
VS2.001.001.001 Alimentos Integrais .
VS2.001.001.001.002 Fabaceae .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Fabaceae .
Afzelia .
Amorpha .
Andira .
Baptisia .
Caesalpiniaceae .
Callerya .
Ceratonia .
Cesalpiniaceae .
Cesalpiniácea .
Cesalpiniáceas .
Clathrotropis .
Clatrótrope .
Colophospermum .
Copaifera .
Delonix .
Euchresta .
Feijão .
Feijões .
Guibourtia .
Legumes .
Leguminosae .
Leguminosas .
Machaerium .
Pithecolobium .
Pithecellobium .
Stryphnodendron .
Vagem .
Vagens .
Grande família de plantas caracterizadas por vagens. Algumas são comestíveis, enquanto outras causam LATIRISMO ou FAVISMO e outras formas de envenenamento. Outras espécies produzem materiais úteis, como as gomas da ACÁCIA e várias LECTINAS, como as FITO-HEMAGLUTININAS de PHASEOLUS. Muitas delas abrigam bactérias FIXADORAS DE NITROGÊNIO em suas raizes. Muitas espécies, mas nem todas, de feijões pertencem a esta família. .
1.00
69212883
 
Stryphnodendron barbatimam .
Barbatimão .
Stryphnodendron adstringens .
Medicamento homeopático. Barbatimão. Abrev.: "stryph.". Origem vegetal. Habitat original: Brasil. Parte utilizada: casca. .
0.77
240
 
Strychnos .
Cipó-Cruzeiro .
Quina-Cruzeiro .
Quina-de-Mato-Grosso .
Quina-de-Periquito .
Quina-do-Cerrado .
Quina-do-Paitá .
Quina-Branca .
Gênero de plantas da família LOGANIACEAE (classificado por alguns botânicos como Strychnaceae). .
0.48
4114
 
Striga .
Erva-de-Bruxa .
Gênero de plantas na família Orobanchaceae que parasitam raizes de outras plantas. Seus membros contêm flavonas, APIGENINA e LUTEOLINA. .
0.39
0120
 
Curare .
Extrato de Strychnos .
Extrato de Strychnos toxifera .
Extrato de Strychnos castelnaei .
Extrato de Strychnos crevauxii .
Extrato de Chondodendron .
Extratos vegetais de várias espécies, inclusive dos gêneros STRYCHNOS e Chondodendron, que contêm TETRAIDROISOQUINOLINAS que produz PARALISIA dos músculos esqueléticos. Estes extratos são tóxicos e devem ser utilizados com a administração de respiração artificial. .
0.38
8960
 
MicroRNAs .
miRNA .
miRNAs .
RNA Temporário Pequeno .
RNA Pequeno Temporário .
Micro RNA .
Micro RNAs .
MicroRNA .
MicroRNA Primario .
pri-miRNA .
stRNA .
RNA Temporal Pequeno .
RNA Pequeno Temporal .
RNAs pequenos, de cadeia dupla, de codificação não proteica, com 21-25 nucleotídeos de extensão, gerados a partir transcritos do gene de microRNA de cadeia única pela mesma RIBONUCLEASE III, Dicer, que produz RNAs interferentes pequenos (RNA INTERFERENTE PEQUENO). Eles tornam-se parte do COMPLEXO DE INATIVAÇÃO INDUZIDO POR RNA e reprimem a tradução (TRADUÇÃO GENÉTICA) de RNA alvo por ligação a região 3'UTR homóloga como um par imperfeito. Os RNAs temporários pequenos (stRNAs), let-7 e lin-4, de C. elegans, são os primeiros 2 miRNAs encontrados, e são de uma classe de miRNAs envolvidos no controle do tempo de desenvolvimento. .
0.38
25150796
 
Stratus .
Nuvem Stratus .
Estrato .
1) Nuvem baixa que varia em altitude, entre 0 e 2000 metros. 2) Camada de nuvens geralmente cinzenta, com base bastante uniforme, podendo dar lugar a garoa, prismas de gelo ou de neve granular. Quando o sol é visível através da camada, seu contorno é nitidamente visível e sua altitude varia de 100 a 6000 metros (Fonte: Ministério da Ação Social, Brasília, 1992) .
0.36
40
 
Ignatia amara .
Strychnos ignatii .
Inácia .
Inaciana .
Medicamento homeopático. Strychnos ignatii. Fava de Santo Inácio. Abrev.: "ign.". Origem vegetal. Habitat original: Filipinas. Parte utilizada: sementes. .
0.35
130
 
Upas tieute .
Strychnos Tieute .
Medicamento homeopático. Strichnos tieute. Abrev.: "upa.". Origem vegetal. Habitat original: Indonésia. Parte utilizada: casca. .
0.35
00