serw-MX  [xml]  
 


    
 Categorias DeCS

D01 Compostos Inorgânicos .
D01.268 Elementos .
D01.268.150 Carbono .
D01.268.150.250 Fulerenos .
D01.268.150.250.500 Nanotubos de Carbono .
D08 Enzimas e Coenzimas .
D08.811 Enzimas .
D08.811.520 Liases .
D08.811.520.224 Carbono-Carbono Liases .
D12 Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas .
D12.644 Peptídeos .
D12.644.641 Peptídeos Cíclicos .
D12.644.641.548 Nanotubos de Peptídeos .
D20 Misturas Complexas .
D20.633 Material Particulado .
D20.633.937 Fumaça .
D20.633.937.339 Fuligem .
J01 Tecnologia, Indústria e Agricultura .
J01.637 Manufaturas .
J01.637.512 Nanoestruturas .
J01.637.512.850 Nanotubos .
J01.637.512.850.500 Nanotubos de Carbono .
J01.637.512.850.750 Nanotubos de Peptídeos .
SP4 Saúde Ambiental .
SP4.011 Ciência .
SP4.011.097 Química .
SP4.011.097.063 Elementos .
SP4.011.097.063.849 Carbono .
SP4.021 Abastecimento de Água .
SP4.021.212 Distribuição da Água .
SP4.021.212.193 Tubulações .
SP4.026 Esgotos .
SP4.026.252 Redes de Esgoto .
SP4.026.252.523 Tubulações .
SP4.041 Ar 306 .
SP4.041.432 Poluentes Atmosféricos .
SP4.041.432.568 Material Particulado .
SP4.041.432.568.090 Fumaça .
SP4.041.432.568.090.020 Fuligem .
 
 Termos
 Sinônimos e Históricos
Documentos
LILACS e MDL
 
Nanotubos .
Nanobastonetes .
Tubos de tamanhos nanométricos compostos de várias substâncias incluindo o carbono (NANOTUBOS DE CARBONO), nitreto de boro, ou vanadato de níquel. .
0.81
76257
 
Nanotubos de Carbono .
Buckytubos .
Nanofitas .
Tubos com tamanho da ordem de nanômetros compostos principalmente de CARBONO. Tais nanotubos são utilizados como sondas para obter imagens de alta resolução da estrutura química de biomoléculas através de MICROSCOPIA DE FORÇA ATÔMICA. .
0.64
1110939
 
Nanotubos de Peptídeos .
Nanotubos Peptídicos .
NANOTUBOS formados de PEPTÍDEOS CÍCLICOS. As ligações alternantes D e L criam anéis planos que se auto reúnem por empilhamento nos nanotubos. Podem formar poros através da MEMBRANA CELULAR causando dano às células. .
0.41
0137
 
Carbono .
Carbono-12 .
Elemento não metálico com símbolo atômico C, número atômico 6 e massa atômica [12,0096; 12,0116]. Pode ocorrer como vários alótropos diferentes, entre eles, DIAMANTE, CARVÃO VEGETAL, GRAFITE e como FULIGEM a partir de queima incompleta de combustível. .
0.37
22143255
 
Tubulações .
Tubulação .
Tubos .
0.34
160
 
Fuligem .
Negro-de-Fumo .
Negro de Fumo .
Pó-de-Sapato .
Pó escuro resultante de resíduos de combustível não queimados, compostos principalmente de CARBONO amorfo e alguns HIDROCARBONETOS que se acumulam nas lareiras, silenciadores de carro e outras superfícies expostas à fumaça. É o produto de combustão incompleta de combustíveis ricos em carbono na presença de baixos níveis de oxigênio. É, às vezes, denominado "negro-de- fumo" ou "pó-de-sapato" e é utilizado em TINTA, pneus de borracha e para o preparo de NANOTUBOS DE CARBONO. .
0.33
21049
 
Carbono-Carbono Liases .
Enzimas que catalisam a clivagem de uma ligação carbono-carbono por meios outros além da hidrólise ou oxidação. Esta subclasse contém as DESCARBOXILASES, as ALDEÍDO-LIASES e as OXO-ÁCIDO-LIASES. EC 4.1. .
0.31
2473